• Calendário Cervejeiro 2016 – os principais eventos de cerveja do Brasil

    Por: Diego Pucci | Em: Cerveja | 21 de janeiro de 2016

    2016 já começou e se você é como eu, que gosta de se programar com antecedência para festas, shows e festivais, não deixe de ler este calendário cervejeiro que preparei!

    A cada ano cresce a atividade da “craft beer” no Brasil e, com isso, crescem também os festivais deste líquido sagrado! Se você sempre teve vontade de beber vários estilos de cerveja em uma festa só, muita atenção, pois abaixo seguem muitas destas festas.

    Então, pegue a sua agenda, avise os brothers & sisters e já comece a se programar para os principais eventos de cerveja deste ano:
    JANEIRO

    cervejeiro-calendario-sommerfest
    07/01 A 29/01 – SOMMERFEST BLUMENAU/SC

    A tradicional festa de verão de Blumenau traz para Janeiro e Fevereiro toda a alegria da Oktoberfest. Mas atenção para esta festa, pois exige trajes típicos alemães, conforme a descrição do site da festa!

    Local: Parque Vila Germânica
    Valor: R$15, valor apenas para a entrada no local do evento.
    Mais informações: sommerfestblumenau.com.br
    FEVEREIRO

    cervejeiro-calendario-dama-bier-fest
    27/02 – DAMA BIER FEST – PIRACICABA/SP

    Festa de aniversário de 6 anos da cervejaria Dama de Piracicaba/SP. O evento promete muita cerveja boa da própria cervejaria e gastronomia de primeira.

    Local: Avenida Rio das Pedras 104 – Piracicamirim
    Valor: R$110. Dá direto a copo, água e cerveja liberadas
    Mais informações: facebook.com/DamaBierFest
    MARÇO

    festival-brasileiro-cerveja-calendario
    09 A 12/03 – FESTIVAL BRASILEIRO DA CERVEJA – BLUMENAU/SC

    O Festival Brasileiro da Cerveja, cresce a cada ano e se consolida como o maior do ramo no país. É a reunião das principais cervejarias do país, dos melhores sabores, aromas e harmonizações. Cervejeiros, especialistas e consumidores degustam mais de 600 rótulos e aproveitam uma rica programação artística e cultural, palestras e ótima gastronomia.

    Local: Parque Vila Germânica
    Valor: EM BREVE – 2015: Quarta-feira – R$ 12,00 | Quinta, Sexta e sábado – R$ 20,00. Dá direito a copo. Valor apenas para a entrada no local do evento e copo.
    Mais informações: festivaldacerveja.com

    continue lendo…

  • Empresário faz sucesso com cerveja própria na favela do Alemão, no Rio

    Por: Eduardo Mendes | Em: Cerveja | 01 de janeiro de 2016

    cerveja-propria-na-favela-do-alemao
    A Complexo do Alemão Lager foi lançada em junho de 2014, no Bistrô Estação R&R, na Nova Brasília, uma das comunidades do conjunto de favelas. A cerveja e o bistrô foram lançados por Marcelo e sua mulher, a ex-analista de recursos humanos Gabriela Romualdo, 35. O bom desempenho do negócio expandiu seu alcance. Há um mês e meio, abriram uma filial no Carioca Shopping, na zona norte, e a carta de cervejas do estabelecimento, criado em 2012, soma 300 rótulos.

    O local escolhido foi a garagem do sogro, no térreo do prédio onde mora com Gabriela, que deixou o emprego numa empresa de engenharia para assumir a administração do negócio. Para começar, o casal investiu R$ 12 mil que havia juntado e obteve R$ 5.000 de empréstimo na AgeRio, agência do Estado que fomenta com empréstimos a juros baixos a expansão de empreendimentos em favelas com UPP (Unidade de Polícia Pacificadora).

    Cerveja própria

    Para manter a receita, o empresário pôs em prática uma ideia antiga: comercializar a própria cerveja. Ele havia feito um curso de sommelier e mantinha o hobby de fazer cerveja artesanal com amigos na cozinha de casa.

    Para iniciar as vendas, ele precisava regularizar o negócio. Bateu à porta de algumas cervejarias em busca de parceria, mas as primeiras respostas foram negativas. “Quando a gente dizia o nome da cerveja, ninguém queria. Até nos chamaram de doidos”, contou Gabriela. Após a parceria com a cervejaria Allegra, a produção da cerveja tipo lager -de baixa fermentação e 5% de teor alcoólico- chegou a 120 garrafas por semana.

    Sem crise

    Quem vai à favela pode encontrar a garrafa por R$ 15,90. Nos demais locais da cidade, a unidade custa R$ 18,90. O casal também vende chope artesanal por R$ 5, no bistrô, e por R$ 8 no shopping. Em média, o casal fatura com todo o empreendimento R$ 6.000 por semana. Em plena crise, eles projetam ampliar o negócio. No início do mês, os dois conquistaram o prêmio de negócio criativo e empreendedorismo da AgeRio e receberam R$ 18 mil.

    Fonte: Folha

    LEIA TAMBÉM: 5 cursos para aprender a fazer cerveja em casa

  • 5 kits de cervejas para dar de presente no Natal

    Por: Diego Pucci | Em: Cerveja | 05 de dezembro de 2015

    Pois é, o final do ano já está aí! Nesse período, diversas confraternizações acontecem, dentre elas o amigo oculto e o Natal, claro! Para você que está em dúvida sobre o que dar de presente para o seu amigo, a cerveja é uma excelente opção!

    Ah sim, mas quais cervejas, né? Hoje, temos no mercado uma variedade gigantesca de rótulos de cerveja, o que é muito legal, mas ao mesmo tempo, difícil para escolhermos quais rótulos serão do agrado da pessoa!

    Por esse motivo, vamos dar algumas sugestões de kits de cervejas especiais para você presentear aquele seu amigo ou amiga:

    KIT 01 – INICIANTE:
    Seu amigo é daqueles que “quantos mais, melhor”, e só bebe a cerveja da galera do churrasco? Então este kit é para ele. Nele temos as principais cervejas que utilizamos para a introdução às novas cervejas:

    cerveja-natal-kit-1
    LONDON PRIDE

     Cervejaria: Cervejaria Fuller’s
    País de Origem: Inglaterra
    Estilo da Cerveja: Special/Best/ Premium Bitter
    Cor: Âmbar
    Graduação Alcoólica: 4,7%
    Temperatura ideal para consumo: de 4 a 6° C
    Copo ideal: Pint, Nonic
    Valor médio: R$ 30,00

    SCHNEIDER WEISSE TAP 7 UNSER ORIGINAL

    Cervejaria: Weissbierbrauerei G. Schneider & Sohn
    País de Origem: Alemanha
    Estilo da Cerveja: German Weizen
    Cor: Âmbar
    Graduação Alcoólica: 5,4%
    Temperatura ideal para consumo: de 4 a 8ºC
    Copo ideal: Weizen
    Valor médio: R$ 25,00

    HOEGAARDEN

    Cervejaria: Brouwerij Hoegaarden
    País de Origem: Bélgica
    Estilo da Cerveja: Witbier
    Cor: Amarelo
    Graduação Alcoólica: 4,9%
    Temperatura ideal para consumo: de 4 a 8ºC
    Copo ideal: Tumbler, Weizen, Lager
    Valor médio: R$ 10,00

    KIT 02 – INTERMEDIÁRIO:

    Seu amigo já é consumidor de cervejas especiais? Então é a hora de explorar sabores diferentes, com cervejas mais elaboradas variando e mesclando os diversos estilos, escolas e sabores. Uma experiência de grau mais elevado para apreciadores já iniciados no mundo das cervejas especiais:

    cerveja-natal-kit-2


    continue lendo…

  • Black Friday de cerveja: uma lista de sites com até 60% de desconto

    Por: Diego Pucci | Em: Cerveja | 27 de novembro de 2015

    cerveja
    A Black Friday é uma ação de vendas anual criada nos Estados Unidos e ocorre na 4ª sexta-feira de novembro, após o feriado de Ação de Graças. Durante a Black Friday, lojas físicas e online oferecem promoções de diversos produtos durante todo o dia. E o que é super legal é que alguns sites de cerveja também entram na brincadeira!

    Infelizmente, aqui no Brasil, muitas empresas são sacanas e, semanas antes, dão “over” em seus preços para darem supostos descontos, na mais PURA PICARETAGEM!

    Nas últimas semanas, vim monitorando alguns sites que vendem cerveja on line, afim de constatar esta possível prática e os que realmente vão honrar preços legais para seus clientes e consumidores! Com esse monitoramento, encontrei sites que oferecem até 60% de descontos em rótulos excelentes e aí montei uma lista dos que valem a pena conferir:

    5 maltes: até 50% de desconto

    Beer Bier: até 50% de desconto

    Cerveja Store: de 30% e 60% de desconto

    Clube do Malte: até 50% de desconto

    Empório da Cerveja: até 50% de desconto

    Puro Malte: até  50% de desconto

    Taberna Bier: até 20% de desconto

    The Beer Planet: até 50% de desconto

    Boas compras!!!

    Se beber, NÃO dirija!

    Santé!

  • Cerveja que não esquenta é a nova invenção dos japoneses

    Por: Eduardo Mendes | Em: Cerveja | 19 de novembro de 2015

    cerveja-que-nao-esquenta
    Você conhece alguém que gosta de cerveja quente? Claro que não, né! Afinal, ninguém gosta de cerveja quente, e uma invenção dos nossos amigos japoneses promete acabar com esse problema.

    A Kirin inventou uma tecnologia que prometeu acabar com o problema de cervejas que esquentam rápido, para alegria de quem aprecia esta bebida, sobretudo, bem gelada. A Kirin Frozen é uma cerveja, desenvolvida em 2012, coberta por uma espuma congelada e consegue manter-se gelada por até 30 minutos em temperaturas ambientes de até 40ºC.

    A cerveja é armazenada em uma máquina que lembra as de iogurte e refrigerante, que consegue resfriar a espuma para uma temperatura de até -5ºC e parece uma porção de sorvete. Segundo os produtores, a técnica não utiliza água ou gelo.

    Tempos depois, a empresa lançou uma máquina caseira para que as pessoas pudessem congelar as espumas e fazer por conta própria suas bebidas, naqueles dias de festa e churrasco em casa ou nos parques.

    Apesar de ter quem faz críticas, a cerveja é febre também em estádios de beisebol do Japão. Ainda não existe previsão de lançamento no Brasil que vai enfrentar em breve o forte calor do verão.

    Fonte: Upvoted

    LEIA TAMBÉM: Startup cria aparelho que gela cerveja em 2 minutos

  • Cervejaria lança a primeira Cerveja Transgênera do mundo

    Por: Diego Pucci | Em: Cerveja | 12 de novembro de 2015

    Uma das mais revolucionárias cervejarias da atualidade lança a primeira cerveja transgênera do mundo! “Assim como os seres humanos, acreditamos que uma cerveja pode ser o que diabos ela quiser, e estamos orgulhosos disso” vem estampado no colorido rótulo da cerveja, que se chama “No Label”(Sem Rótulo).

    Como sabemos (ou não), o lúpulo é um dos principais ingredientes da cerveja. A planta do lúpulo, uma trepadeira  da família Cannabaceae (sim, é a prima distante da ervinha), tem dois sexos, o masculino e o feminino. Para a indústria cervejeira, somente a parte feminina que interessa. De acordo com a BrewDog, o lúpulo usado na produção da No Label teve o gênero alterado naturalmente. As flores, que a princípio foram definidas como femininas, transformaram-se em masculinas antes da colheita. Segundo James Watt, co-fundador da Brew Dog, lúpulos assim são descartados pela indústria por conta da “questão dos gêneros”.

    brewdognolabel
    A edição limitada desta cerveja do tipo Kölsch, de coloração dourada e conta com 4,6% de ABV, levou cerca de 20kg de lúpulo do tipo Jester, que é mais propício a esta mudança de gênero.

    James Watt diz ainda: “produzir essa cerveja não-binária, pós-gênero, tem sido um processo longo e cuidadoso e temos a certeza que muitos puristas da cerveja irão questionar sua legitimidade, mas nós nos preocupamos mais com a liberdade que com etiquetas. A diversidade faz com que tudo e todos sejam mais interessantes.”

    A cerveja que foi criada em parceria com a Queerest of the Queer, organização britânica que luta em prol dos direitos da comunidade LGBT, será vendida no novo bar da Brewdog em Londres e todo dinheiro arrecado com este novo rótulo, será revertido para instituições de caridade de apoio a jovens transgêneros.

    Mais uma vez a BrewDog revoluciona e bate na cara da sociedade com os seus rótulos polêmicos e receitas altamente criativas! Não é a toa que esta é uma das cervejarias mais queridinhas do movimento “Craft Beer”.

    Ein Prosit!