//Mundo Macho

  • 6 cursos sobre cerveja para quem quer ser sommelier

    Por: Edu | Em: Cerveja | 12 de junho de 2015

    Hoje em dia é normal ver um amigo ou amiga conhecedor de cervejas especiais (ou metido a). Com o aumento do interesse pelo mercado de cervejas especiais, a necessidade de pessoas com conhecimento mais apurado na área também cresceu – e muito. Por este motivo, vários cursos de Beer Sommelier foram criados, oferecendo uma educação cervejeira de qualidade e fazendo com que você se torne um profissional da cerveja. A grande maioria dos cursos se concentram no estado de São Paulo, mas hoje podemos encontra-los em vários pontos do Brasil.

    Abaixo indico 6 opções de cursos sobre cerveja para se tornar um Beer Sommelier:

    1 – INSTITUTO DA CERVEJA BRASIL

    cerveja-1

    O Curso de Formação Profissional Sommelier de Cervejas visa capacitar o participante em temas variados, relacionados ao universo cervejeiro, para atuar como sommelier profissional ou como consultor/assessor nos mais diversos segmentos do mercado, incluindo lojas, bares, restaurantes, distribuidores, importadoras e cervejarias. Professores: Kathia Zanatta, Alfredo Ferreira, Fernando Carvalho, Edu Passarelli, Alexander Moraes, Estácio Rodrigues, Márcio Silva.

    Locais: São Paulo, Rio de Janeiro, Belo Horizonte e Porto Alegre
    Valor: R$ 3.000,00
    Duração: 100h
    Site: www.institutodacerveja.com.br/cursos
    Telefone: (11) 5097-9497

     

    2 – UNIVERSIDADE POSITIVO
    cerrveja-2
    Em sua 6ª edição, o curso ministrado por Daniel Wolff prepara o profissional para compreender a cerveja e todos os assuntos que a envolvem, como harmonização, insumos, produção, serviço, regiões produtoras e temas correlatos.

    Local: Curitiba
    Valor: R$ 2.080,00
    Duração: 100h
    Site: http://www.up.edu.br/extensao/sommelier-de-cervejas
    Telefone: (41) 3317-300

     

    3 – SCIENCE OF BEER INSTITUTE
    cerveja3
    Com carga horária de 70 horas/aula, o curso de Sommelier de Cerveja do Science of Beer busca formar profissionais capazes de atuar de forma ética na orientação e comercialização de cervejas especiais. Nesse período, o aluno degusta 80 rótulos de cerveja e aprende a interpretar cada estilo, anotando tudo em seu relatório de degustações. Professores: Carolina Oda, Leonardo Botto, Amanda Reitenbach, Marco Falcone, Mauricio Beutramelli, entre outros nomes reconhecidos no universo cervejeiro.

    Locais: Campinas, Ribeirão Preto, Brasília, Rio de Janeiro e São Leopoldo

    Valor: R$ 3.200,00
    Duração: 70h
    Site: www.scienceofbeer.com.br
    Telefone: (54) 9905-4524

     

    4 – ACADEMIA BARBANTE DE CERVEJA
    cerveja4

    Nesse curso o aluno vai conhecer os tipos de produção, analisar sensorialmente os variados estilos, realizar harmonizações com a gastronomia nacional e internacional, elaborar cartas de cervejas adequadas ao ponto de venda, conduzir degustações e experiências gastronômicas, norteado pela ética e consumo responsável. É o curso ideal para profissionais de restaurantes, bares, hotéis, lojas, cervejarias, distribuidoras, importadoras, além de entusiastas, curiosos, pessoas que atuam na disseminação da cultura cervejeira e quem deseja se inserir nesse mercado com a certificação da renomada escola Doemens Akademie de Munique.

    Locais: São Paulo e Belo Horizonte
    Valor: R$ 3.900,00
    Duração: 100h
    Site: www.academiabarbante.com.br
    Telefone: (11) 3405-7046

     

    5 – ESCOLA SUPERIOR DE CERVEJA E MALTE

    cerveja5

    Com este curso desenvolvido em parceria com a Doemens Academy, da Alemanha, você pode descobrir que nem todas as cervejas são iguais e vai ter a chance de experimentar saborosas experiências gastronômicas. Essa formação oferece capacitação para atuação como sommelier em bares, restaurantes, hotéis, distribuidoras e importadoras e você aprenderá a elaborar cartas de cerveja, desvendará as técnicas e diferenças entre os estilos de cerveja e poderá atuar como sommelier, além de receber uma certificação internacional. Professores: Katia Jorge e Cilene Saorin.

    Locais: Blumenau
    Valor: R$ 5.000,00
    Duração: 100h
    Site: www.cervejaemalte.com.br/cursos
    Telefone: (47) 3380-5200

    6 – SENAC

    cerveja6

    O curso do Senac tem como objetivo capacitar o profissional a atuar como sommelier de cervejas, disseminando a cultura cervejeira em bares, restaurantes, hotéis, distribuidoras, produtoras e importadoras de dessa bebida em diversas áreas, como logística, comunicação, comercialização ou serviço de cervejas.

     

    Local: Campos do Jordão
    Valor: R$ 2.211,00
    Duração: 100h
    Site: www.sp.senac.br
    Telefone: (12) 3668-3001

    EIN PROSIT, E ATÉ A PRÓXIMA!

     

  • Poligamia é cada vez mais popular nos Estados Unidos

    Por: Edu | Em: Notícias | 12 de junho de 2015

    poligamia
    Um homem e seu harém. Nos EUA, a ideia não é tão absurda quanto parece. Enquanto em 2001 apenas 7% dos americanos viam a prática da poligamia como algo “moralmente aceitável”, agora 16% considera que é favorável, de acordo com uma pesquisa feita pelo instituto Gallup.

    Apesar de o percentual ainda dizer respeito a uma minoria, há de se considerar que, entre os 19 “tabus” abordados pelo estudo, a questão da poligamia foi a que experimentou a maior mudança no sentido de aceitação. Em seguida, vêm as relações homossexuais, ter uma criança fora do casamento, divórcio e pesquisas médicas em células-tronco obtidas de embriões humanos. Atualmente, nos EUA, é ainda mais aceitável ser polígamo do que manter casos extraconjugais (que apenas 8% dos americanos consideram moralmente permissível).

    A cultura pop pode ter contribuído para democratizar a poligamia, que virou tema da série “Big Love”, da HBO, e de dois reality shows, “My Five Wives” e “Sister Wives”. Mas, segundo o jornal francês “Figaro”, há quem atribua esse desenvolvimento a “uma visão libertária, um laissez-faire dos jovens americanos em relação a sexo, casamento e vida familiar” enquanto outros veem um “colapso de valores” ou uma consequência do lobby LGBT.

    A origem desta mudança, no entanto, pode ser mais complexa porque a prática polígama tem várias influências, diz Samantha Allen, jornalista do site “Daily Beast”. Segundo ela, os polígamos nos EUA estariam entre 50 e 100 mil pessoas, a maioria mórmons fundamentalistas e muçulmanos, sendo que a maioria é polígama (um homem com várias mulheres) e não poliândrico (uma mulher com vários homens).

    Alguns observadores já preveem a legalização – ela será reconhecida “em 2040, em meio à indiferença geral”, disse o colunista Ross Douthat, em um artigo do New York Times -, mas ainda há um caminho a ser percorrido. Até porque a prática continua muito associada a problemas como violência doméstica, crimes, doenças mentais e estupro. Há, portanto, pouco risco de ver tão cedo uma multiplicação de famílias com um homem e várias mulheres – e vice-versa – que vivem sob o mesmo teto.

    Fonte: O Globo

  • Homens devem namorar mulheres mais jovens diz estudo

    Por: Edu | Em: Notícias | 11 de junho de 2015

    namoro
    Segundo o estudo o segredo para um casamento feliz é escolher uma esposa que seja mais esperta do que você e pelo menos cinco anos mais jovem. Conhecendo mais de mil casais que começaram um relacionamento sério há, pelo menos, cinco anos e ainda estão juntos, o grupo concluiu que, para que o relacionamento dê certo, a mulher precisa ser mais jovem e ter recebido uma educação mais qualificada que a do homem.

    O trabalho acadêmico ressalta que “mulheres escolhem companheiros baseadas no amor, atração física, gostos semelhantes, crenças, atitudes e valores compartilhados.” No entanto, “fatores objetivos”, como idade, educação e origens culturais podem colaborar para evitar um divórcio. O estudo foi publicado no European Journal of Operational Research e divulgado no site da BBC .

    A pesquisa, liderada pelo Dr Emmanuel Fragniere, da Universidade de Bath, utilizou o casal Beyoncé e Jay Z como modelo de comprovação. No caso, a estrela pop tem 33 anos, enquanto o rapper tem 44. Beyoncé também teve um ensino mais qualificado que o marido, que deixou a escola ainda no ensino médio.

    A pequisa ainda mostrou que casais em que um membro tenha passado por um divórcio no passado são menos estáveis ​​do que aqueles em que ambos os membros são divorciados.

    Fonte: Telegraph

  • Apresentadoras ficam nuas para apoiar a Venezuela na Copa América

    Por: Edu | Em: Notícias | 10 de junho de 2015

    apresentadoras
    Mesmo que a Venezuela não tenha grandes pretensões na Copa América, o time recebeu um grande apoio para a competição que será realizada no Chile. Para apoiar a seleção, um grupo de apresentadoras de um programa de televisão local chamado Desnudando a Notícia, literalmente tirou a roupa.

    – Nós adoramos os nossos gladiadores e como eles deixam a pele em campo. Nós tomamos a decisão de mostrar a nossa por eles – explicaram.

    E elas vão além: sempre que a Venezuela passar de fase, a promessa é de nu coletivo.