Testosterona CAM - 24 horas online.

Não faz muito tempo que um duelo desse tipo era totalmente viável. Aconteceu em dezembro de 1997. No dia do sorteio dos grupos da Copa da França, a Fifa organizou um amistoso entre as seleções da Europa e do Resto do Mundo, no estádio Vélodrome, em Marselha. A regra era simples: cada uma das 32 seleções classificadas ao Mundial deveriam ter pelo menos um representante.

Parreira dirigiu o time “globalizado” (com americanos, asiáticos e africanos), que tinha no ataque nada mais nada menos que Ronaldo e Batistuta, à época destruindo as zagas adversárias por Inter de Milão e Fiorentina, respectivamente. Do outro lado, Beckenbauer teve a oportunidade de juntar Zidane, Hierro e Kluivert.

O placar final de 5 x 2 para o Resto do Mundo foi apenas simbólico. O que ficou para os anais do futebol foi a chance de juntar tanta gente boa de bola num mesmo campo.

Hoje é quase irreal pensar num jogo desses moldes. O calendário apertado não permite e os clubes certamente chiariam (com razão, diga-se).

Mas como sonhar não custa nada, vamos brincar com isso. Colocamos frente a frente os astros da América do Sul e da Europa para um amistoso.

E aí, em quem você apostaria suas fichas?

Seleção sul-americana

Goleiro
Ospina (Colômbia)

Lateral direito
Daniel Alves

Zagueiros
Mascherano (Argentina)
Godin (Uruguai)

Lateral esquerdo
Marcelo

Volante
Casemiro

Em ótima fase no Real Madrid, Casemiro robou de Fernandinho a titularidade na seleção

Meias
Di María (Argentina)
Philippe Coutinho

Atacantes
Neymar
Messi (Argentina)
Suárez (Uruguai)

Juntos no Barcelona, juntos também nesse “Dream Team” sul-americano

Reservas: Bravo (Chile), Otamendi (Argentina), Paulinho, Agüero (Argentina) e Cavani (Uruguai)

 

Seleção europeia

Goleiro
Neuer (Alemanha)

Lateral direito
Dani Carvajal (Espanha)

Zagueiros
Sergio Ramos (Espanha)
Hummels (Alemanha)

Lateral esquerdo
Ricardo Rodríguez (Suíça)

Volante
Kanté (França)

Meias
Pogba (França)

Jogador mais caro da história, Pogba ainda precisa se provar do United

Hazard (Belgica)

Atacantes
Cristiano Ronaldo (Portugal)
Griezmann (França)
Lewandowski (Polônia)

Reservas: De Gea (Espanha), Pepe (Portugal), Modric (Croácia),  Benzema (França) e Ibrahimovic (Suécia)