Testosterona CAM - 24 horas online.

Concussion, que foi extremamente mal traduzido pro português como Um homem entre os Gigantes, foi lançado no começo ano passado e tem no seu elenco astros como Will Smith e Alec Baldwin, mas não foi exatamentee um sucesso de público e crítica, muito provavelmente por conta do seu tema controverso, as lesões que os jogadores da NFL (Liga Americana de Futebol) estão sujeitos a sofrer, por se tratar de um jogo violento.

Não contente com a produção, alguns dirigentes da liga entraram em contato com a produção do filme antes do seu lançamento pra tentar impedir sua finalização, o que gerou ainda mais controvérsia sobre o filme. Vale lembrar ainda que o futebol americano é o principal esporte nos Estados Unidos.

Baseado em fatos reais, Concussion conta a história do médico nigeriano Dr. Benneth Omalu (Will Smith), que descobre a ligação entre o futebol americano e a Encefalopatia Traumática Crônica (ETC), doença que levou dezenas de ex-jogadores a morrerem, e como a NFL no tentou ignorar este fato.

O médico realiza a autópsia de Mike Webster, ex-craque do time do Pittsburgh Steelers, que foi encontrado morto, aos 50 anos, e descobre um tipo de lesão que se repetia em outros ex-jogadores que morreram nos anos seguintes apresentando os mesmos sintomas. Apesar do filme fazer parecer que este espaço de tempo entre as mortes tenha sido pouco mais do que algumas semanas.

Erros e Acertos

O ponto positivo é que o filme usa jogadores reais, como Dave Duerson, que atuou na NFL entre 1983 e 1993, e morreu por consequência de CTE causada por danos cerebrais, mas apesar disso, o esquema mocinho x bandido não funciona muito bem, e praticamente coloca a NFL como a grande vilã da história, mas não mostra por exemplo como os médicos e equipes manipulavam os jogadores e escondiam os riscos que as frequentes trombadas entre os jogadores poderiam ser fatais.

O filme fica naquele meio termo entre denunciar algo importante, mas exagerar os fatos pra ficar comercialmente rentável.

As inúmeras pancadas na cabeça sofridas pelos jogadores e, até então, ignoradas pela liga, passaram a ter uma consequência. As concussões resultavam em problemas graves na sanidade dos ex-jogadores. E tudo isso era varrido para debaixo do tapete.

Apesar de inicialmente não aceitar os números apresentados pelos médicos, a liga desde os anos 70 vem tomando uma série de providências para deixar o jogo menos violento, os últimos relatórios mostram uma queda de 35% no número de concussões nos últimos anos, e concussões resultadas em contato capacete com capacete caíram 43% nos últimos 3 anos. Além disso, nos dias de hoje, os jogadores sabem os riscos que correm, e recebem salários astronômicos também por conta disso.

Will Smith tem uma atuação incrível, incorporando um sotaque nigeriano sem parecer forçado, e lembra aqueles dramas sem fim que o ator já interpretou em À Procura da Felicidade, Sete Vidas e Ali. No geral, vale a pena ver o filme se você gosta da NFL e assiste os jogos da liga, pra entender melhor a polêmica envolvida, mas também recomendo ler mais sobre o tema e ver que do outro lado as coisas mudaram também.