Melhor noticia da semana: A playboy americana irá trazer o nudismo de volta!
Isso mesmo que você leu: Teremos mulheres nuas novamente! 

Os nudes estão de volta

Voltando atrás do comunicado feito em Outubro de 2015, de acordo com o chefe criativo Cooper Hefner, a revista masculina considerou um erro ter removido completamente a nudez.

“A nudez nunca foi o problema porque a nudez não é um problema”, acrescentou o filho de 25 anos do fundador da Playboy, Hugh Hefner. “A Playboy sempre será uma marca de estilo de vida focada nos interesses dos homens, mas como os papéis de gênero continuam a evoluir na sociedade, nós também”, disse Hefner.

Ele afirma que a revista, em seus 63 anos de existência, promoveu uma “conversa saudável” sobre o sexo, além de encorajar o debate sobre opiniões sociais, políticas e religiosas. Segundo o herdeiro, a Playboy em sua história também lutou pelos direitos civis e liberdade de expressão.

Levantando a hashtag #NakedIsNormal, a próxima revista correspondente aos meses março e abril já irão trazer como capa a modelo Elizabeth Elam totalmente sem roupa, como veio ao mundo e mostrando tudo para o público.

Ela também irá trazer um ensaio da atriz Scarlett Byrne sobre a campanha Free the Nipple – um movimento que começou nos EUA para mudar as leis em torno da amamentação em público e o topless feminino.

No Brasil, o nu frontal deixou de ser obrigatório depois que a revista foi assumida no ano passado pela PBB Entertainment, que entrou no lugar da Editora Abril.

1.224