• Quem finge orgasmo tende a trair mais o parceiro

    Por: | Em: Notícias | 27 de janeiro de 2014

    fake-orgasmoNinguém deve se sentir muito confortável quando descobre que o orgasmo do parceiro não passou de uma encenação. Imagine, então, se o fingimento vem com um bônus: uma traição. Pois é, segundo pesquisa, quem finge orgasmo costuma trair mais o parceiro.

    Quem concluiu foram os pesquisadores Ryan Ellsworth e Drew Bailey, da Universidade do Missouri. Eles perguntaram a 138 mulheres e 121 homens, todos comprometidos, como andava o relacionamento: com que frequência eles fingiam um orgasmo e se traíam o parceiro. Em média, as mulheres chegavam mesmo ao orgasmo em 61% das vezes em que faziam sexo – e fingiam em quase uma a cada cinco vezes. Já os homens gozavam em 70% das vezes e quase nunca fingiam: isso só acontecia uma vez a cada 20 transas.

    A frequência com que mulheres tinham orgasmos reais não influenciava a estatística da traição: chegar poucas ou muitas vezes ao clímax não tinha nada a ver com as chances de trair. Mas fingir orgasmos, isso sim, parecia incitar a vontade de pular a cerca.

    Fiquem espertos.

    Via Super Interessante.

  • Ir ao bar faz bem à saúde mental

    Por: | Em: Notícias | 26 de janeiro de 2014

    bar
    Ir ao bar faz bem à saúde mental, meus amigos. A conclusão é da pesquisadora Carol Emslie, da Universidade Glasgow Caledonian, na Escócia. Ela perguntou a 22 escoceses, de 28 a 52 anos, com que frequência iam aos butecos com os amigos e quanto costumavam beber. Ela não precisou perguntar sobre os benefícios da bebedeira, todos eles espontaneamente revelaram que os passeios os deixavam mais relaxados.

    Imagine a Escócia: a maioria dos homens de lá é ainda mais fechado que os brasileiros. Ou seja, dificilmente abrem o coração para os amigos, não falam sobre angústias e problemas. Mas isso só dura até o terceiro ou quarto copo de cerveja. Quando bebem com os camaradas, esse pessoaldesabafa. E, segundo os próprios participantes, voltam para casa mais leves. Relaxados.

    “O que descobrimos foi que beber álcool em grupos tem um efeito positivo na saúde mental. Vocês estão bebendo juntos, vocês dão risada e brincam, isso tudo é edificante. Ajuda você a se abrir e relaxar”, explica Emslie.

    Fonte: Super Interessante

    LEIA TAMBÉM: 16 verdades sobre nível de testosterona e saúde do homem

  • Vídeos da semana

    Por: | Em: Vídeos | 26 de janeiro de 2014

    Os videos da semana dessa vez trazem humor, mulheres, dica de onde comer quando bate aquela larica e ainda um vídeo pra mandar para todos os amigos que começam a namorar e PUFF….  somem. Confira: