• Kaká badboy – #kakabadboy

    Por: Edu | Em: Mundo Macho | 24 de junho de 2010

    O #kakabadboy foi uma brincadeira que começamos hoje cedo no twitter e ganhou grande proporção no Twitter durante todo o dia.

    Baseada nessa tirinha do Nadaver

    Tudo começou assim:

    Frases foram chegando e fizemos o post que mais tarde ganhou um update com a imagem do Gordo Nerd…

    O fato é que:

    Kaká foi expulso no jogo do Brasil contra a Costa do Marfim e o povo parou de ver o rapaz como um bom menino.

    Foi o dia em que o Kaká virou homem. Separei uma lista de atitudes que comprovam o comportamento doentio e suspeito dele. Todos comprovam que Kaká é um bad boy nato. Um cara que vive infringindo a lei. Confira.

    Testosterona & Gordo Nerd apresentam!

    Movimento #kakabadboy orquestrado no twitter por @edutestosterona e @futirinhas o resto já é lenda…

    - Kaká assistiu o horário eleitoral gratuito no mudo.

    - Certa Vez Kaká saiu à noite em Milão no frio sem um casaco.

    - Uma vez Kaká alugou um filme romântico por engano  e veio um pornô, Ainda assim Kaká assistiu uma boa parte.

    - Na juventude, a mãe de Kaká uma vez pediu pra ele comprar presunto e ele trouxe mortadela só pra sacanear.

    - Certa vez o Kaka colocou uma ficha no fliperama e ganhou 2 creditos e não falou nada.

    - Uma vez Kaká olhou pras pernas de uma mulher na rua.

    - Em certa oportunidade Kaká atirou num companheiro de time quando jogava Counter Strike. SIM Kaká jogava Counter Strike e com terroristas!

    - Kaká nunca deu boa noite pro Willian Bonner no final do Jornal Nacional.

    - Quando criança, Kaká tocou a campanhia do vizinho e saiu correndo.

    - Kaká já ficou offline no MSN sem dar tchau para seus contatos.

    - Kaká não precisou de pulserinha pra entrar no show do Restart.

    - Uma vez o Kaka tirou caquinha do nariz e colou embaixo da carteira do colégio.

    - Kaká tirou foto tomando cerveja sem alcool e mandou pro Testosterona só pra aparecer no Macho Life Lifestyle.

    - Dirigindo uma vez Kaká passou no sinal amarelo.

    - Kaká já foi dormir sem escovar os dentes.

    - Kaká fez bigode na figurinha do Messi no álbum da Copa.

    - Kaká assistia o Cine Privé escondido dos pais.

    - Kaká atravessou a rua fora da faixa de pedestres.

    - Kaka mentiu pra mãe dele que estava doente só pra não ir pra escola.


  • Torcedoras gostosas da Copa

    Por: Edu | Em: Sem categoria | 24 de junho de 2010

    Segunda semana de Copa. Segunda seleção de delicinhas na torcida!

    continue lendo…

  • Relacionamento que termina e volta

    Por: Acid Girl | Em: Acidez Feminina | 22 de junho de 2010

    Ao contrário do que é esperado para o codnome “Acid Girl” não vim aqui detonar pessoas que vivem relacionamentos que terminam e voltam com a mesma frequência em que o Dunga é criticado pela mídia.

    E não farei isso por um puro e simples motivo: Nenhum de nós foi vacinado contra a maldita acomodação.

    Não sei vocês, mas eu tenho alguns amigos que tiveram e tem seus namorados(as) e nenhum deles está livre do tal termina e volta. Na minha humilde opinião, acho muito normal e saudável que isso aconteça, desde que seja pouquissimas vezes, no meu mundo perfeito o limite para se terminar e voltar num relacionamento seria 2.

    continue lendo…

  • Quanto menor o QI da mulher, maior o saldo bancário do marido

    Por: Edu | Em: Notícias | 22 de junho de 2010

    Não era preciso ser nenhum gênio pra chegar à uma conclusão dessas. Mas eu explico, a reportagem foi liderada por uma mulher, a pesquisadora Christine Stanik, da Universidade de Michigan, nos Estados Unidos.

    Christine concluiu que as mulheres burras (rendundância isso) tendem a procurar homens ricos para se relacionar. (na verdade qualquer mulher quer isso né.)

    A notícia foi publicada pelo tabloide britânico Daily Mail e não explica como Christine chegou a essa conclusão (você consegue imaginar um método para esse estudo? Será que ela fez um teste de QI nas mulheres e, depois, uma análise da conta bancária de seus parceiros?).

    Mas traz a teoria da pesquisadora sobre o porquê da conclusão. Não que as mulheres com menos QI sejam mais gananciosas do que as demais. Elas só sabem, mesmo inconscientemente, que precisam achar uma forma de dar uma vida confortável aos seus filhos. Como, ao que parece, não vão conseguir isso com o próprio trabalho, recorrem ao parceiro. Correr atrás de um homem que as sustente seria “apenas natural” para as mulheres com pouca educação e quase nenhuma perspectiva de carreira.

    Fonte: Revista Época

  • A dificuldade na hora de abordar uma garota

    Por: Edu | Em: Vídeos | 21 de junho de 2010

    Curta metragem bem bacana que mostra as diversas possibilidades que passam na cabeça dos homens na hora de abordar uma mulher.

    [luzes]

    Rapaz ingênuo, era só jogar a chave do carro na mesa dela.

  • Prostitutas não conseguem clientes durante a Copa do Mundo

    Por: Edu | Em: Notícias | 21 de junho de 2010

    Eu sei que temos falado demais da Copa do Mundo. Mas não tem como negar a importância e o impacto desse evento na economia mundial. E homem gosta mesmo de Futebol. (Se você é mulher e não aguenta mais futebol vá ler o Malvadas então).

    MAS EU AVISEI! Copa do Mundo é a época de mulher ficar fazendo almoço e limpando a casa mesmo. Sexo só depois que acabar o último programa esportivo com as reprises dos gols da rodada. Veja reportagem abaixo:

    Não é todo mundo que está empolgado com a Copa na África do Sul. Um certo grupo de profissionais que esperava lucrar durante o torneio está decepcionado: as prostitutas. Em Porto Elizabeth, uma das nove sedes da competição, o movimento é decepcionante. E o lado curioso é que o futebol seria um dos culpados por essa baixa procura por sexo pago.

    - (Os clientes) estão mais preocupados com isso (futebol) do que em transar. Estou decepcionada – disse Karen, atendente de uma agência escort, à reportagem do Globo Esporte

    Algumas pensam até em mudar da cidade para conseguir mais clientes.

    - Vou para Cidade do Cabo para ver se as coisas estão melhores por lá. Atualmente, aqui, faço apenas dois programas por dia em vez de cinco ou seis que fazia antes – afirmou Belly, de 22 anos, que cobra 600 rands (cerca de R$ 150) por, segundo ela, uma “noite de amor completa”.
    Taxista conveniado por um dos principais hoteis de Porto Elizabeth, Robert também reconhece que a prostituição não está lucrando muito com a Copa.

    - Desde que a Copa começou não peguei nenhum passageiro que me pedisse para ir a um prostíbulo ou a alguma rua onde tivessem prostitutas – contou.

    Fonte: Globo Esporte