Quem acompanha o poker no Brasil sempre vai acabar esbarrando com alguma notícia sobre André Akkari. Seja ele em disputa dos maiores torneios ao redor do mundo, ou jogando uma reta online de domingo, a “Véia” está sempre nos holofotes da melhor maneira possível.

Chega até a ser curioso descobrir que ele tem diversos haters mas foi exatamente com ele que aprendi uma das melhores lições sobre isso: enquanto eles reclamam, siga trabalhando. O resultado virá para um dos lados e dificilmente será para o daqueles que estão sempre procurando defeito nos outros.

 

Eu já cruzei com ele em corredores de torneios, tive a chance de trabalhar junto e já vi tantos momentos felizes que quase esqueço de duas vezes em que vi ele nervoso por motivos justos. O cara é só sorrisos e alegria e é pensando nisso que é hora de divulgar alguns dos motivos pelos quais eu sou fã dele, incondicionalmente.

1. Ele joga muito online – e dificilmente ele fica “no ferro” no domingo

Faz tempo que acompanho as retas online de domingo, tanto por querer torcer quanto para acompanhar e aprender. E é difícil ver um domingo onde Andre Akkari fique negativo no poker. Para um jogador de poker, essa constância é um feito para poucos e ele mostra semana após semana que é possível ser um vencedor no online.

2. Ele joga pouco live – mas quando joga, ele vai muito longe

Faz tempo que ele joga live e ele sempre vai bem nos torneios. Muitos questionam mas fica difícil ir contra números e resultados: campeão de um evento do WSOP, mesa finalista de diversos outros e muitas premiações que o mantém com a certeza de estar fazendo um ótimo trabalho. É sempre incrível poder acompanhar um torneio onde ele está disputando o título.

3. Ele é um cara de família – e a sua família é incrível.

Já tive oportunidade de ver ele lidando com as filhas e a sua esposa. E ambos estão sempre bem, sempre sorrindo, sempre conversando com alguém e isso é coisa de gente do bem. Ele é sempre atencioso com todo mundo que está ao seu redor mas ele tem uma dose extra de carinho com a família e é realmente um privilégio observar isso de perto.

4. Ele ensina poker em seu curso – e você sai de lá fascinado pelo jogo

Ele poderia simplesmente usar todo o seu tempo para jogar e tenho certeza de que ele seria muito feliz assim. Mas ele tira um tempo para o seu curso mensal, sempre disputado e cheio de gente aprendendo, e faz isso com muito carinho. Eu já fui em cursos dele e ver que ele é realmente muito mais apaixonado por poker do que muitos de nós é algo que nos motiva a gostar, praticar e aprender cada dia mais. Quem tiver uma oportunidade de curtir esse curso pode ir sem medo – vai mudar a sua vida e vai ser uma experiência incrível.

5. Ele é um cara que faz 10 coisas ao mesmo tempo – e faz todas elas da melhor forma possível

Quem já conviveu um tempo com ele sabe que ele é ligado nos 330v. Está sempre fazendo uma coisa, pensando em outras 2 enquanto se prepara para fazer 3 coisas diferentes. Essa energia dele movimenta todos que estão ao seu redor de uma forma boa e é gratificante poder ter feito parte disso por um tempo. Sempre que ele começa alguma coisa, ela tenta extrair o máximo possível daquilo. E a energia, como sabemos, é contagiante.

Se manter competitivo no poker é um feito muito difícil, já que uma parte dos jogadores busca evoluir enquanto outra parte dos jogadores adora contar com a sorte para tentar te pegar. Seja de qual forma for, ele continua na luta diária mostrando ao mundo que sabe o que faz quando recebe uma pilha de fichas e duas cartas para jogar. Ser íntegro e correto é um plus, que infelizmente nem todos tem, mas que ele utiliza de forma justa. Não torcer para ele é simplesmente algo que eu não entendo, já que ele continua abrindo portas para todos nós.

E se você realmente não é um fã do Andre Akkari dentro do cenário Brasileiro de poker você realmente precisa repensar se não está entendendo algo errado. Ta aí mais uma mesa final com uma premiação incrível nos mostrando que ele sabe muito bem o que está fazendo.

Leia também