Um estudo publicado recentemente pela International Society for Sexual Medicine, analisou o comportamento de cerca de 400 homens, e chegou a uma conclusão inusitada, quem joga vídeo-game têm menos ejaculação precoce.

O estudo

O responsável pela pesquisa, foi o italiano Andrea Sansono, médico da Universidade de Roma, Sansoto estudou 396 homens com idade entre 19 e 50 anos, durante um ano. Dentre os participantes, 28 passava mais de uma hora por dia jogando vídeo-game. O resultado mostrou que um terço dos pesquisados que não tinha o costume de jogar, apresentou sintomas de ejaculação precoce. Já os gamers, praticamente não tiveram problema algum de ejaculação precoce.

Por outro lado, quem não costuma jogar vídeo game, apresentou uma libido sexual muito maior que a turma dos games. Sansono concluiu que os games aumentam a produção de dopamina (substância relacionada ao prazer) no cérebro, e com isso, a prática acaba diminuindo o desejo sexual dos homens.

LEIA TAMBÉM: Pesquisa aponta que jogar videogame alivia o estresse mais do que sexo