Descubra o que as garotas do Testosterona CAM estão fazendo agora - 24 horas online

Você sabe dizer quantas vezes por semana tira um tempo para ver aquele pornôzinho inofensivo? Pois é, aparentemente alguns homens já podem considerar isso um vício.

Uma pesquisa recente feita pelo Sexlog, mair rede social adulta do Brasil, apontou números impressionantes sobre a frequência com que os homens assistem à pornografia.

Mais de 30% disseram que vêem uma vez ao dia, enquanto 29,7% assumiram que vêem mais de uma vez por dia.

Perigo

Aquelas “homenagens” podem ter um preço. Estudos identificaram que um em cada dez jovens pode ter problemas de disfunção erétil por consumir pornografia em excesso na internet.

Para a terapeuta psicossexual Angela Gregory, os homens estão perdendo a estimulação sexual e a excitação com sua parceira: “É como uma coceira que eles não podem arranhar, mas que está sempre em sua mente”, comparou Angela, que, assim como Smiler, acredita que a única forma de aumentar o desejo sexual é diminuir a frequência da masturbação.

A pesquisa ouviu 3.343 homens.