rouba_brasil_capa.inddO autor do livro é o famoso jornalista Agamenon Mendes Pedreira, personagem criado pelos humoristas Hubert Aranha e Marcelo Madureira, do Casseta & Planeta, em 1988. O velho lobo do jornalismo comenta em crônicas publicadas nos mais importantes veículos da imprensa as mais recentes falcatruas da política brasileira e a maior pedalada do esporte nacional.

Com uma enxurrada de trocadilhos e sem poupar ninguém, Agamenon traça um panorama da incompetência e roubalheira que tanto tem assolado os brasileiros nos últimos anos, como Mensalão, Petrolão, Lava Jato, o 7×1 e outros escândalos.

Nas páginas do livro desfilam personagens como Josef Dirceu, Dilma Roskoff, Antônio Pallhocci, Fernando Pimentiu, os presidentes Cheirando Collor de Mello, Devagar Franco e Fumando Henrique Pomposo e outras figuras ilustres. No prefácio, o também jornalista Eduardo Bueno afirma que “nem os livros didáticos distribuídos pelo atual regime são mais reveladores” e adverte: “Este livro não tem a menor graça, pelo contrário, é pura desgraça”.

agamenon
As crônicas reunidas foram publicadas originalmente na revista Veja, no jornal O Globo e no site O Antagonista. Além de exercer a profissão de jornalista marrom, Agamenon Mendes Pedreira foi estrela do filme As Aventuras de Agamenon, o Repórter que teve 1 milhão de espectadores. Este é o quarto livro do velho e imortal homem de imprensa, publicado pela editora Matrix.

É recheado de ilustrações, fotos e memes. A orelha do livro é de ninguém menos que Xico Sá, escritor e jornalista velho conhecido aqui do Blog. É bem fácil e rápido de ler. A parte boa, se você quer um livro para passar o tempo, é que as crônicas são independentes. Ou seja, você pode ler na ordem que quiser, sem precisar de um ritmo e dedicação. É daqueles que, quando você menos percebe, está rindo e as pessoas ao redor observando sem entender.

LEIA TAMBÉM: Os melhores livros que lemos em 2015 – e recomendamos!