Faltando apenas oito dias para o início da Copa do Mundo na Rússia, o técnico brasileiro Tite fez uma revelação importante, principalmente para os 23 escolhidos a dedo pelo gaúcho: o sexo está liberado. 

Créditos: cbf.com.br

Tá liberado!

Em entrevista à imprensa inglesa, o médico da seleção Rodrigo Lasmar deixou bem claro que o assunto não é considerado um tabu entre a comissão técnica do Brasil e os jogadores. “Sexo é natural. Faz parte. São jogadores jovens e estão com a saúde perfeita”, disse o doutor.

Rodrigo, gente como a gente, viu o sexo como um ponto positivo no rumo ao hexa: “Nada mais natural que eles façam no seu momento de folga, que tenham a folga no ponto de vista físico, na questão mental, da pressão que existe dentro de uma preparação para a Copa do Mundo. Para nós, não será nenhum problema”.

Mas, calma lá, não vai ser festa também não! É obvio que a nossa seleção não estará lá pra brincadeira, então enquanto estiverem concentrados, o foco será 100% voltado aos treinamentos e adversários que estão por vir na Copa do Mundo. Ou seja, sexo só nos dias de folga mesmo.

Diferente de Tite, outros técnico foram mais rígidos. É o caso de Joachim Löw, que está à frente da Alemanha e com o intuito de conquistar seu quinto título mundial exigiu a abstinência sexual aos seus jogadores.

Mas nós brasileiros somos diferenciados e antes mesmo do anúncio de Tite, Romário em entrevista ao jornal LANCE! já havia dado uma dica preciosa a Gabriel Jesus: “Transar bastante é uma das minhas dicas, assim como aproveitar o máximo que puder nos dias de folga lá na Rússia e, claro, se concentrar nos dias dos jogos e durante as partidas”. E agora fica a dúvida, será que depois dessa o hexa já é uma realidade? Se depender da torcida e do bom-humor dos jogadores depois dessa notícia, com toda certeza!

Copa do Mundo

Leia também