Filho de lenda…Lenda será? Estreando no MMA neste sabado, filho do primeiro campeão do UFC fala sobre pressão e preparação para a luta

 

Ser filho de um ídolo do esporte não é nada fácil, Khonry vem de uma linhagem de verdadeiros guerreiros e seu pai é ninguém menos do que o primeiro campeão do UFC e filho do lendário Hélio Gracie.

 

“Ter o nome Gracie pode ser uma benção ou uma maldição”

Pois é… o primogênito de Royce Gracie debutará no cage neste sábado em um evento rival da companhia criada pela família, entrar no octógono e tranquilo? Vamos deixar o próprio Khorny responder a essa dúvida, em entrevista exclusiva ao testosterona, falou sobre essa sensação:

Ter o nome Gracie pode ser uma benção ou uma maldição. (risos) Se você souber lutar é uma benção, se você não souber lutar sendo Gracie é uma maldição. Como alivia isso? Com muita conversa como falei come ele tem quer saber perder, o Mohammad Ali perdeu, o Michael Jordan perdeu vários jogos, o Mike Tyson, que é mais da geração dele, perdeu lutas ninguém é imbatível. A gente se prepara para ganhar mas aconteceu alguma coisa volta e faz de novo“.

 

 

Durante o bate papo o próprio Royce resolveu dar a sua opinião sobre a preparação do pupilo e o que espera da luta:

“Eu não espero nada. Conversei com ele sobre isso, você fez sua parte em pé, sua parte no chão, parte física. Você ganha desse cara na parte técnica em pé, na parte técnica no chão e é mais forte, sem contusão durante o treino, tudo certinho. Mas na luta tudo pode acontecer, agora é para ele colocar no piloto automático e deixar rolar”.

O filho da fera lutará contra Davon Brock no Bellator 192

Descubra o que elas estão fazendo agora