Não adianta. Messi sempre será uma sombra para Cristiano Ronaldo. E vice-versa.

Contemporâneos, os maiores craques desta década nunca entraram em rota de colisão. Pelo contrário, sempre demonstraram simpatia e respeito mútuo. Mas o torcedor não quer saber. O legal mesmo é botar lenha na fogueira e lembrar que um é melhor do que o outro em algum aspecto.

Nesta quarta-feira, durante o jogo entre Real Madrid e Al Jazira, pelas semifinais do Mundial de Clubes, alguns torcedores começaram a gritar repentinamente o nome de Messi em direção a Cristiano Ronaldo.

O craque português não se fez de rogado e gesticulou para os fãs de Messi como se não entendesse o contexto das manifestações. E, cá para nós, fora a provocação até pueril, não fazia qualquer sentido mesmo.

Nem a lembrança de Messi abalou CR7, que deixou o dele e garantiu o Real na final do Mundial, sábado, contra o Grêmio.

Confira o vídeo:



Compartilhe
Share on Facebook
Facebook
Tweet about this on Twitter
Twitter

Leia também