Confesso que em minha santa ignorância eu não sabia quem era Philip K. Dick até começar a zapear pelo streaming da Amazon e me deparar com uma série que me chamou atenção. A série em questão é Eletric Dreams, cujo nome correto é Philip K. Dick’s Electric Dreams. Os mais atentos já devem conhecer o escritor americano, autor das histórias que deram origem a Blade Runner e Minority Report.

Philip K. Dick foi um famoso escritor de ficção científica, que escreveu dezenas de histórias e contos sobre o tema. Seus romances são baseados e sociedades futurísticas e distópicas, e fica fácil traçar um paralelo com os episódios de Black Mirror, até porque quem tocou o projeto da série foi o canal britânico Channel 4, o mesmo que produziu as primeiras temporadas de Black Mirror.

A semelhanças continuam, Eletric Dreams tem 10 episódios, que assim como Black Mirror são independentes uns dos outros, e abordam temas similares: tecnologia e futuro distópicos. A diferença é que as histórias são muito mais “malucas”, e se passam num futuro muito mais distante. E a coisa fica ainda mais maluca se você pensar que essas histórias foram escritas nos anos 60!

Com roteiros um pouco mais simples e rasos – isso não quer dizer que são ruins – a imaginação de Philip K. Dick torna as histórias muito mais distantes da nossa realidade, fazendo com que você embarque na loucura do autor, meu amigo, e que loucura!

Também é possível perceber que muitas histórias não são exatamente sobre as tecnologias em si, mas na relações entre as pessoas, que a é a base da existência humana.

Fãs de Battlestar Galactica, Doctor Who, WestworldThe Handmaid’s Tale, e Stranger Things também vão gostar da série.

Eletric Dreams é um Black Mirror com boas doses de fantasia

Em Eletric Dreams você vai embarcar num futuro com carros voadores, mundos fantasiosos, com ameaças alienígenas e tecnologias no mínimo curiosas, que não vou contar aqui pra não estragar a surpresa.

Junte a isso um time de atores consagrados, como Bryan Cranston (Breaking Bad), Steve Buscemi (Boadwalk Empire), Richard Madden, o Robbie Stark de Game of Thrones, e muitos outros atores de filmes como Pequena Missa Sunshine, Guerra Mundial Z, Doutor Estranho e  X-Men.

Se é melhor ou pior que Black Mirror não importa. Não estamos diante de um concurso de melhor série.

Descubra o que elas estão fazendo agora