Home Filmes As melhores cenas de sexo em filmes de Hollywood

As melhores cenas de sexo em filmes de Hollywood

4873 visualizações

Não é nenhuma surpresa que as cenas de sexo picantes dominam alguns filmes de Hollywood, alguns títulos são reconhecidos exclusivamente por isso. Bunda ou seio muitos parecem dominar a curiosidade dos telespectadores.

Muitos diretores tentaram a sua maneira capturar o sexo real em seus filmes, muitos atores e atrizes colaboraram magistralmente para registrar perfeitamente o sexo. Pensando nisso, separamos dez cenas de sexo de Hollywood que parecem ser reais em sua essência e sensação.

Deite Comigo (2005)

as melhores cenas de sexo

Um filme canadense de baixo orçamento, considerado por muitos como um indie. O enredo gira totalmente sobre o sexo, dois jovens se sentem atraídos e necessitam experimentar os doces prazeres sexuais, mas descobrem ao decorrer de suas aventuras que estão apaixonados um pelo outro.

As cenas de sexo parecem reais porque são reais, o diretor Clement Virgo ganhou a confiança dos atores para conseguir imprimir com naturalidade a atração e desejo. Nada foi forcado, visto que o cineasta queria algo verdadeiro, se ambos não acreditassem no outro nada seria brilhante.

Anticristo (2009)

as melhores cenas de sexo

Lars von Trier sempre foi um diretor com os filmes precisavam ser explicitamente visuais em perfeição. William Dafoe e Charlotte Gainsbourg são um casal que precisa lidar com a perda do filho, o enredo mistura dor e insanidade.  

O filme começa com uma cena de sexo explicita com enquadramentos de penetração entre o casal, no caso tudo foi gravado com dublês, mas não tira a experiência realista.

A boneca do Diabo (1982)

as melhores cenas de sexo

Esse clássico europeu nunca chegou a ser distribuído em terras tupiniquins. Um enredo louco e absurdo que envolve cultos demoníacos e muita safadeza. O incrível de tudo é que as cenas de sexo foram protagonizadas pelos próprios atores.

Amor (2010)

as melhores cenas de sexo

Dirigido por Gaspar Noé, o enredo aborda um homem que anda frustrado com sua vida e um dia começa a reviver todo seu passado de forma saudosista. O filme é recheado de cenas de sexo, seja romântica, explicitas e com drogas, claro que ainda rola oportunidade para uma grande orgia, tudo realizado pelos próprios atores.

Shortbus (2006)

Peculiar e meramente inteligente, a história aborda Sofia (Sook-Yin Lee), uma mulher que busca as melhores experiências sexuais. O diretor John Cameron Mitchell sempre desejou que as cenas de sexo em seus filmes fossem reais para registrar o prazer de maneira cinematográfica de forma impecável.

9 Canções (2004)

O filme se passa durante um ano na vida de um casal que é apaixonado por sexo e rock. Os dois vivem abençoados pela diversão, o que rende uma cena incrível de cunilíngua surpreendente.

Orquídea Selvagem (1989)

Uma advogada descobre um novo mundo erótico e sensual ao conhecer um multimilionário.  As cenas de sexos foram tão intensas que o diretor Zalman King precisou corta uma para conseguir lançar o filme os cinemas, essa que até hoje é considerada como uma das mais reais pela conexão dos atores.

Brown Bunny (2003)

O filme apresenta uma cena de sexo oral real entre Chloe Sevigny e o ator/diretor Vincent Gallo. As críticas acabaram com o título e especialmente com a cena. Tudo porque o ângulo e a fotografia são ruins segundo seus olhos.

Inverno de Sangue em Veneza (1973)

Depois de perderem o filho, o casal Donald Sutherland e Julie Christie sentem duramente a tristeza, esse impacto afeta duramente o relacionamento, especialmente o sexo.  

Ninfomaníaca Vol 1 e 2 (2013)

Para fechar com chave de outro porque não outra grande pérola de Lars von Trier. Ninfomaníaca é exclusivamente sobre o sexo, são cenas e mais cenas de sexo. Justamente porque enredo demonstra uma mulher que é viciada no sexo e deseja a qualquer custo viver suas experiências.

Entretanto, o diretor afirmou em entrevistas que as cenas apesar de serem reais foram filmados com dublês e até mesmo vaginas protéticas foram usadas em alguns takes. Mas isso não prejudica o espetáculo visual que o longa metragem quis proporcionar.

Mais posts pra você

COMENTE JÁ