Home Filmes Pipoca Melada #03 – Crítica Rocco da Netflix

Pipoca Melada #03 – Crítica Rocco da Netflix

Simm! É sobre a vida dele. O italiano mais famosão do mundo quando o assunto é pornô hardcore. O documentário Rocco da Netflix atingiu grande audiência e escancarou os bastidores desse astro-mor da pornografia.

Rocco

Quem é Rocco?

Rocco Siffredi é a persona de Rocco Tano, nascido em Ortona, Itália. Ele se tornou ator pornô em 1986 e hoje é um dos empresários e diretores mais notáveis desse planeta fodeção.

Rocco

Vida em Família

O doc vem falar disso também, do atorzão fodão fora dos sets e no seio familiar que tem como centro do foco os seios de Rosa Caracciolo, esposa de Rocco.

A Esposa

A loira supermodelo Rosa Caracciolo conheceu o homão do caralho nos sets de gravação quando ainda era atriz pornô. Hoje ela já se aposentou e, além de esposa, é mãe dos filhos dele, Leonardo e Lorenzo Tano.

Rocco

Crítica Rocco Documentário Netflix

Mano, é um grande acerto de temática, roteiro e produção! Não priva os detalhes da vida do cara, não deixa ele como um mocinho ai-ai-ai e ainda fala sobre “o diabo” que esse cavalheiro carrega entre as virilhas. 

O Diabo de Rocco Siffredi

Metáfora pro BIG pauzão e seu estilo de vida. E pra colorir esse inferno todo, há muita gente foda na história, como Abella Danger, a latina hard com fogo no rabo, e Kelly Stafford, o eterno purgatório sexual do cara. As cenas de sexo em slow são a pimenta do bolo, a razão da gente pagar internet. E é isso.

COMENTE JÁ

Mais posts pra você