Eu demorei pra entender que a sensualidade não está relacionada ao nosso tipo físico ou quantos centímetros de bunda temos. 

Sensualidade

A sensualidade é um estado de espírito, uma atitude que escolhemos ter, o que escolhemos ser. 

No decorrer dessa série, eu já falei várias vezes sobre como a fotografia sensual influenciou em minha vida e mudou o modo que me vejo.

Eu precisei posar para alguns ensaios antes de começar a entender do que realmente a sensualidade se tratava. Na minha cabeça era algo bem simples:

  • Quando eu estava com meu corpo ‘’ok’’, barriga sequinha, bunda grande, então eu era uma mulher sexy. 
  • Se eu ganhava alguns quilos ou não gostava do aspecto que minha pele estava, então automaticamente eu perdia toda minha sensualidade.

Que pensamento limitado e fora da realidade não é? Eu sei.

Modelo: @akane.sgh

Mudança de pensamento

Mas eu não conseguia enxergar isso na época, e hoje, trabalhando como fotógrafa e mentora de modelos, percebo que não era apenas eu que pensava assim.

Em outras mulheres eu conseguia ver beleza e sensualidade independente do seu tipo físico. Mas em mim mesma, dificilmente via assim. 

Perceba como nas redes sociais, onde está mais visível esse comportamento, as mulheres se apoiam e se elogiam, independente do tipo físico de cada uma.

Mas porque na amiga plus size, por exemplo, isso é bonito e aceitável e para elas mesmas não? 

Modelo: @eitafagundes

Esqueça os padrões

A não aceitação e padrões impostos pela nossa sociedade nada mais são do que crenças limitantes.

Um tipo de pensamento burro que desencadeou, em nós mulheres, diversos padrões de comportamento e problemas psicológicos relacionados a auto estima. 

Quando fiz meu primeiro ensaio público foi uma virada de chave pra mim. Descobri ali uma mulher que eu nem ao menos conhecia.

Foi incrível ser apresentada para mim mesma naquele dia. 

Modelo: @labelavie

Atitude e postura

Então aos poucos, me dei conta que sexy mesmo é ter atitude e postura. A sensualidade estava na confiança que fui desenvolvendo, algo interno, e não fora, em meu corpo.

Não estou falando que a estética não é importante, mas é totalmente ilusório pensar que a sensualidade está relacionada apenas ao nosso peso.

Jogar toda responsabilidade de nos sentirmos bem em cima de apenas uma coisa, como nosso corpo por exemplo, é raso demais. 

Somos muito mais do que isso. 

Modelo: @cimaggy

O modo como andamos, como falamos e como nos movimentamos nos torna sexy.

Nossos interesses, nossa coragem, os ideais que defendemos, isso sim nos torna sexy.

Eu não posso emprestar meus olhos para outras mulheres e fazer com que elas se vejam da forma que eu as-vejo. Mas posso motivar cada uma para que se abram para essa ideia.

Uma vez que nos vemos assim, nunca mais voltamos ao estado normal. É como um super poder. 

Por isso, no texto de hoje, vou lançar aqui um desafio

Compartilhe no seu instagram uma foto em que você se sente sexy e marque meus perfis:  @docesuicide e @justdoce. Pode marcar o @testosteronagirls também. 

Não esquece de me marcar hein? Vou amar e, claro, irei compartilhar as imagens. 

Nos vemos no próximo texto dessa série. 

Beijos e até mais!

Doce.

Todos os posts da série

A influência da fotografia sensual na vida de uma mulher