Home Guapa Magazine Fernanda Scherdien – Personalidade calma e um corpo de tirar o fôlego

Fernanda Scherdien – Personalidade calma e um corpo de tirar o fôlego

Nome: Fernanda Scherdien (Fernandinha)
Idade: 31 anos
Cidade: Florinópolis
Instagram: @scherdien.fernanda

Entrevistamos a modelo Fernanda Scherdien, que posou nua pela primeira vez na Guapa Magazine Brasil e você, caro leitor do Testosterona, irá conhecer um pouco sobre a história dessa garota, seus gostos e hobbies e se perderá pelo fascínio e inteligência dessa bela mulher.

Fernanda Scherdien

Fernanda Scherdien

Ai é difícil falar sobre a gente assim né hehe. Dá uma certa timidez, eu sou um pouco tímida apesar da exposição toda da internet eu sou muito muito tímida…

Então, meu nome é Fernanda Scherdien e eu tenho 31 anos. Moro em Florianópolis Santa Catarina, mas sou carioca do Rio de Janeiro.

Moro em Floripa já faz 8 anos e sou formada em Design de Moda, mas não trabalho na área. Já trabalhei no Fashion Rio, São Paulo Fashion Week, já trabalhei grande parte da minha vida no varejo, já tive loja de roupa feminina e já tive um brechó. Eu sempre gostei muito de trabalhar com moda sustentável e de uns 3 anos para cá eu comecei a trabalhar com eventos aqui em Floripa e já faz 7 meses que o meu trabalho, o que paga minhas contas, o que paga o meu aluguel é vender conteúdo adulto na internet.

Quando que você decidiu criar conteúdo +18 na Internet?

Foi muito natural quando isso aconteceu. Eu nunca tinha fotografado na vida, e aí eu contratei um fotógrafo profissional e a gente fez umas fotos, que ficaram bem legais. Não era nada nude, porque eu queria umas fotos bonitas pra me sentir bem e aumentar minha autoestima, mas no final eu me senti tão a vontade que a gente fez uma que outra foto mais sensual.

O fotógrafo foi postando nosso ensaio no Instagram dele e de um dia para o outro meu Instagram cresceu muito, foi um boom que deu. E aí meus seguidores começaram a falar “eu quero ver mais”, “como eu faço para ver mais?”, “você não vende pack?” e eu nem sabia o que era pack kkkk engraçado né.

Então eu fui conversar com pessoas da área (que entendiam mais do que eu) e com a quarentena rolando também eu falei “vou começar a vender isso pra ver no que dá”. Foi uma oportunidade que surgiu e eu agarrei.

A quanto tempo você cria conteúdo?

Fernanda Scherdien: Eu crio conteúdo há sete meses e realmente foi tudo muito natural. Eu comecei a vender os conteúdos e começou a dar certo. Eu falei “nossa eu não acredito que tem pessoas que querem consumir o que eu tenho pra mostrar”. Que na verdade sou eu, o meu negócio sou eu!

E como é a sua relação com esses seguidores, como você reage a isso?

Eu cresci muito no Instagram e com 30 mil seguidores excluíram minha conta, depois eu perdi uma outra conta. Agora eu estou na terceira conta, tentando sobreviver porque é bem difícil a repressão que a gente sofre. Mas agora depois de perder duas contas e de subir duas contas, eu vejo que realmente tem pessoas que gostam de mim, que me acompanham e que já estão na minha terceira conta comigo. Eles compram o que eu tiver para vender, porque eles realmente gostam e se identificam comigo. Isso tudo graças ao Instagram, graças a tecnologia e a globalização. Tudo isso que faz a gente poder ter esse contato tão perto com pessoas. Tem pessoas do outro lado do mundo que compram o meu conteúdo, pedem vídeo personalizado e fazem chamada de vídeo. Isso é muito bom!

E em relação à sociedade?

Eu sou muito tímida na minha vida pessoal, mas perdi completamente a timidez com relação a câmera. Eu sou muito de boa com a questão da nudez, do corpo nu e de não levar tudo para o lado sexual né, como a sociedade e as pessoas levam. Peito é peito, bunda é bunda, se for para fazer uma foto pelada ali no meio da rua a gente faz não tem problema. O problema são as pessoas que estão ao redor e que tem esse olhar muito sexual e muito crítico também.

O que você gosta de fazer no seu tempo livre? Algum hobby?

Fernanda Scherdien: No meu tempo livre eu gosto muito de ir à praia, estar em contato com a natureza, meditar e ficar em silencio. A gente que trabalha com internet 25 horas por dia, fica ligada no celular e nunca para, principalmente agora na quarentena trabalhando em casa. Também amo cachorros, tenho 5, então eu dedico uma boa parte do meu tempo a eles. Adoro ler e ouvir música também.

De qual estilo de música você gosta?

Meu estilo preferido de música é rock, eu amo rock e eu sou do rock. Minha mãe é roqueira então eu cresci nesse meio do rock. Guns’n Roses, Red Hot, Legião Urbana, Nirvana, eu tive uma boa base musical incrível e maravilhosa que eu agradeço muito a minha mãe. Mas também gosto muito do rap e do hip hop, pois eu me identifico com a minha criação carioca.

Fernanda Scherdien, defina sua personalidade em três palavras.

Sou uma pessoa muito de boa, tenho um tom de voz mais calmo. Sou organizada, mas também como boa virginiana sou muito perfeccionista e autocritica, eu me cobro muito.

Fernanda Scherdien

Me diga uma curiosidade sua

Sempre foi um grande sonho meu poder trabalhar em casa, com a Internet, poder ter uma estabilidade de não precisar sair de casa e de não ter patrão. E graças a vida eu estou tendo essa oportunidade de ter essa experiencia.

Como foi fotografar nua para a Guapa Magazine Brasil?

Eu amei fotografar para a Guapa, foi uma experiência incrível! Foi até mesmo um crescimento profissional enriquecedor para mim como nova modelo que caiu de paraquedas nisso tudo, pois aprendi muito. Me senti muito à vontade fotografando para a revista, já que não sou tímida para fotografar, não tenho vergonha do meu corpo e me aceito muito bem do jeito que sou, com minhas qualidades e defeitos.

Olha fiquei até sem palavras, foi realmente incrível, porque eu estava muito nervosa e porque eu admiro muito o trabalho deles. Mas no final foi um alívio ver que deu tudo certo e que foi mil vezes melhor do que eu imaginei que poderia ser, até mesmo pela vibe do dia, pela energia e pela minha dedicação e pela dedicação da equipe da Guapa também.

O que a Fernanda Scherdien acha sexy nas pessoas?

Eu não sou aquele perfil de mulher que vê um homem sarado e tem essa atração física muito forte. Eu já acho a inteligência muito sexy na verdade, é algo que me atrai muito em um parceiro. Saber falar, saber chegar na pessoa e ter um papo legal. A aparência para mim é uma primeira impressão, muito rasa, até porque a pessoa pode ter a melhor aparência do mundo e abrir a boca e não saber falar e nem se comunicar.

Fernanda Scherdien

Prefere beijo na boca ou no pescoço?

Eu amo beijo na boca, é a melhor coisa da vida, uma das sete maravilhas do mundo, não existe sexo sem beijo na boca.

Você gosta de falar sacanagens?

Eu não sou muito de falar sacanagens porque sou mais de boa, mas gosto de falar. Acho importante isso na hora do sexo, nem que seja por gemidos ou por falar besteiras mesmo, isso é muito sadio numa relação sexual.

E de ouvir sacanagens você gosta?

Eu gosto de ouvir também. Acho muito gostoso, a gente se sente desejada e é bom para uma mulher se sentir assim na hora do sexo.

Você preferiria fazer sexo em uma praia ou em uma cachoeira?

Eu preferira fazer sexo na praia, que não é algo muito fora da nossa rotina e que estou respeitando com a quarentena… Mas sexo na praia é algo maravilhoso.

Fernanda Scherdien
Fernanda Scherdien

Gostou das Fotos? Clique aqui e veja esta e outras modelos em ensaios sensuais e nus exclusivos

Use o cupom TESTOSTERONA e tenha 20% de desconto na assinatura do site

Usando o cupom você tem acesso ao conteúdo completo da Guapa Magazine e também ajuda o Testosterona a continuar trazendo conteúdo exclusivo todos os dias.

Mais posts pra você

COMENTE JÁ