Home Hentai Os 10 maiores nomes dos quadrinhos eróticos

Os 10 maiores nomes dos quadrinhos eróticos

A arte erótica e suas distintas proposições sempre estiveram na vida social e privada de diferentes populações ao longo do tempo. É o termo que reúne qualquer manifestação artística destinada a conter o erótico ou descrever cenas de sexualidade humana. Isso inclui pinturas, gravuras, foto, música, literatura e também os quadrinhos eróticos.

Se a arte reflete as aspirações e as necessidades humanas, é mais do que natural que o sexo seja refletido através de uma simbologia apropriada a cada época da história. E mais do que qualquer outro segmento, os artistas foram sempre os mais seduzidos pela sexualidade presente na arte, nos dias atuais destacam-se os quadrinhos eroticos, feitos por artistas renomados.

Na lista a seguir, você encontra alguns dos grandes nomes na arte mundial de desenhos em quadrinhos eróticos.

1 –  Emanuele Taglietti

É um ilustrador italiano, conhecido principalmente por suas capas de quadrinhos adultos de tamanho compacto, cujos temas são sexo, violência e horror.

2- Paolo Serpieri

O também italiano Paolo Serpieri é conhecido pelo alto nível de detalhes dos seus trabalhos. O artista de 70 anos tem em sua carreira a obra de ficção cientifica “Drunna”, lançada originalmente na revista “Heavy Metal”, como maior destaque. A obra de Serpieri foi publicada de 1985 até 2003.

3 – Guido Crepax

Um dos principais nomes dos quadrinhos eróticos da Europa, o italiano ficou marcado em 1965, quando criou a personagem “Valentina”, uma fotojornalista milanesa. A personagem foi inspirada na atriz e modelo norte-americana Louise Brooks. Em 1995,  em sua última publicação, Valentina deixa o mundo dos quadrinhos eróticos. Ele faleceu em julho de 2003 aos 70 anos.

4- Carlos Zéfiro

 O Carioca, Zéfiro também desempenhou funções como roteirista, funcionário público e compositor. As obras do boêmio Zéfiro foram denominadas de “catecismos”.  Vendido nas bancas de jornal, o trabalho de Zéfiro foi inspirado em quadrinhos românticos mexicanos e em fotonovelas pornográficas da Suécia.  O ilustrador morreu em 1992 também, aos 70 anos.

5 – Milo Manara

O italiano Milo Manara, de 69 anos, sempre ilustra suas obras com mulheres belas e elegantes. O pai dos quadrinhos eróticos é referência no assunto. Milo é autor de quadrinhos marcantes como “Clic” (no original, Il Gioco – 1983) que contava a história de um dispositivo tecnológico que controla excitação sexual de comportadas moças de família, “Gulliveriana” (no original Gullivera – 1996), versão erótica do romance satírico as “Viagens de Gulliver” e a série “Bórgia” que aborda além da sexualidade e sensualidade, questões politicas e religiosas.

Para Manara,  “O erotismo tem um papel de libertação. O erotismo está cheio de curiosidade. Enquanto eu desenhar, o erotismo tem quer ser algo tranquilizador.” 

6 – Masamune Shirow

Masamune Shirow meio que fez um caminho que muita gente fica surpreso, ele começou como um artista hentai e depois criou sucessos como Ghost in the Shell e Appleseed, e agora, ele voltou a desenhar seus hentais.

7 – Shun Saeki

Tosh um dos artistas hentais mais famosos atualmente, a fama desenhando hentai foi tanta que ele é o ilustrador do mangá Shokugeki no Soma, que irá ganhar uma adaptação em anime.

8 – U-Jin

U-Jin, de 55 anos, é um autor japonês de mangás (história em quadrinhos japonesa). Especializado em Ecchi e hentais, gêneros dos quadrinhos japoneses que significam atividade sexual e pornografia, o artista japonês tem, em sua carreira, obras como Angel (1988) e Sakura Diaries (1995).

9 – Alberto Vargas

Ele é considerado o pai das Pin-up girls, se inspirava nas bailarinas e atrizes norte-americanas, e chegou a expôr suas criações nas revistas Esquire e Playboy .

Na Playboy, Vargas passou a ter uma página mensal, isso foi em 1960. A partir daí seriam 152 pinturas publicadas na revista, incluindo duas capas. Há quem considere este o melhor período das Vargas Girls. Em tempos que se começou a ter mais liberdade, a carga de erotismo começou a aumentar,  a ponto de Hefner incentivá-lo a fazer as primeiras pinturas insinuando pelos pubianos. Inspirou a nova geração de criadores de quadrinhos eroticos.

10 – Gil Elvgre

Foi um pintor e ilustrador,  considerado por muitos como o maior ícone da pintura de Pin-Ups nos Estados Unidos e no mundo. Elvgren foi um sucesso comercial em sua área e se manteve em atividade desde os anos 1930 até 1970. Seus clientes variaram de Coca-Cola a General Electric, além disso, durante os anos 1940 e 1950, ilustrou histórias para uma série de revistas e pintou modelos como Myrna Hansen, Donna Reed, Barbara Hale, Arlene Dahl e Kim Novak.

Espero que tenham gostado…

Até mais!!

COMENTE JÁ

Mais posts pra você