Home Mulheres Rebecca Black e a evolução em sua vida

Rebecca Black e a evolução em sua vida

Em meados de 2011 surgiu no Youtube o videoclipe da músicaFriday” da cantora Rebecca Black com seus 13 anos. E é claro que não demorou muito e a música se tornou um viral da pior maneira possível e transformou a vida da garota.

Rebecca Black
A maravilhosa Rebecca Black

O videoclipe

Ficou conhecido como um dos piores clipes já feitos e foi criticado tanto pelos especialistas quanto pelo grande público. Não demorou e a jovem Rebecca se tornou obra de memes, paródias e bullying, todos a afetaram drasticamente e acarretou em uma depressão severa.

Apesar das críticas nada positivas, ela se manteve forte na carreira musical. Hoje com 22 anos e totalmente diferente, maravilhosa e cheia de confiança, a cantora usou seu Instagram para desabafar:

O desabafo

“9 anos atrás, um videoclipe para uma música chamada ‘Friday’ era enviado à internet. Mais do que tudo, eu apenas gostaria de voltar atrás e falar com o meu eu de 13 anos, que era terrivelmente envergonhada dela mesma, com o meu eu de 15 anos, que sentia que não tinha ninguém para conversar sobre a depressão que ela enfrentou. Com meu eu de 17 anos, que iria para a escola apenas para ter comida jogada nela e em seus amigos. Com meu eu de 19 anos, que teve quase todos os produtores/compositores me dizerem que eles nunca iriam trabalhar comigo. Inferno, para mim mesma dias atrás, que se sentiu enojada quando se olhou no espelho! Eu estou tentando lembrar a mim mesma mais e mais que todo dia é uma nova oportunidade de mudar a realidade e se alegrar. Você não é definido por qualquer escolha ou coisa. O tempo cura e nada é finito. É um processo que nunca é tarde para começar. E então, aqui vamos nós! Isso pode ser uma coisa esquisita para postar, mas a honestidade é algo bom se nada mais é.”

Rebecca Black

Rebecca Renee Black nasceu e foi criada na Califórnia, filha de dois veterinários, a jovem tem ascendência mexicana, inglesa, italiana e polonesa. Antes do péssimo recebimento de “Friday” ela estudava em uma escola particular mas depois de todo bullying se mudou para uma pública.

Desde de muito nova, Rebecca se interessou por seguir uma carreira musical. Logo integrou o grupo musical de teatro em sua escola, sempre assumindo que era o lugar onde seu coração deveria estar. Seus pais impressionados com seu amor pela música trataram de encontrar uma maneira de ajudá-la e colocá-la no caminho de sua carreira.

Ela não deixou toda a carga negativa impedir seu futuro na música, ainda produziu as músicas: “Sing It” e “In Your Words” em 2012; “Saturday” em 2013; “The Great Divide” em 2016; “Foolish“, “Heart Full of Scars” e “Scream” em 2017; “Satellite” em 2018 e “Anyway” em 2019.

Com vocês, Rebecca Black

View this post on Instagram

spring fever i guess 🤒

A post shared by Rebecca Black (@msrebeccablack) on

View this post on Instagram

sup beaches 🏊🏼‍♀️

A post shared by Rebecca Black (@msrebeccablack) on

View this post on Instagram

a little sip of paradise 💧

A post shared by Rebecca Black (@msrebeccablack) on

Mais posts pra você

COMENTE JÁ