Akalli e Millene

Nome: Akalli
Idade: 28
Onde nasceu: São Roque (SP)
Onde mora: São Paulo
Instagram: @akallisuicide / @akalliSg

Nome: Millene Varisco
Idade: 24
Onde nasceu: Porto Alegre (RS)
Onde mora: São Paulo (SP)
Instagram: @millenevarisco

Akalli e Millene

O que mudou em você desde o último ensaio?

Akalli: Mudou a vontade de investir em fotos artísticas, cosplay, coisa que é um lado que pouca gente conhece e investi pouco.

Millene: Eu passei por muita coisa que me fez crescer em 1 ano o que não cresci nos outros 23

Akalli e Millene

Qual foi o resultado e o impacto das fotos pra você da primeira vez?

Akalli: Muita gente gostou de me conhecer, de saber um pouco mais sobre a minha vida, as pessoas tem uma visão limitada muitas vezes da gente, e eu queria abrir isso, inclusive agora tô tentando mudar isso e talvez choque muita gente e até perca seguidores.

Millene: Foi ótimo, muitos feedbacks positivos.

Por que decidiu fazer um novo ensaio?

Akalli: Todos os meus ensaios com a Millene são incríveis, amo fotografar com ela, a gente tem um feeling enorme e isso é visível na fotografia e quis mostrar isso.

Millene: Porque recebi a proposta dessa modelo que eu tanto admiro, a Akalli.

Akalli e Millene

Você sente que motivou outras meninas a fotografar também?

Akalli: Sim! Mulheres mães principalmente, pois a pós maternidade foi o que me incentivou a começar a modelar, eu me sentia mãe mas esqueci que era mulher, e precisava de algo pra sentir essa mulher que eu havia esquecido dentro de mim. Muitas se identificam com essa história e ainda me pedem indicação de fotógrafa ou dizem que fez ensaio depois que viu meu instagram.

Millene: Sim, várias vezes as mulheres vem falar comigo no Instagram sobre inseguranças e pedem dicas de como começar!

Akalli e Millene

O que é mais estranho do “carinho dos leitores”? e o mais legal?

Akalli: O mais estranho é a invasão, “onde você mora” ou “onde você está” é meio perturbador.Risos! O mais legal é os que se identificam com as histórias mais bobas até.

Millene: Alguns já chegam achando que tem intimidade, isso assusta um pouco e acho desnecessário. Mas em geral é incrível a interação.

Akalli e Millene

Como é sua relação com seus fãs/seguidores?

Akalli: Alguns são muito amigos, mas infelizmente trabalho muito e não consigo ter tanto contato.

Millene: Maravilhosa! Eles são incríveis, sempre me ajudam.

Que tipo de mensagem mais recebe por inbox?

Akalli: Pedido de nudes 🙄

Millene: Perguntando como eu estou, se estou me cuidando, desejando uma boa semana etc

Você tem algum fetiche?

Akalli: Tenho muitos.

Millene: Estabilidade financeira e emocional, risos!

Você está solteira?

Akalli: Casada com uma mulher maravilho

Millene: Sim!

Se pudesse criar o seu par amoroso ideal, quais 3 qualidades você escolheria?

Akalli: Empática, companheira e amiga.

Millene: Senso de humor, respeito, parceria

Conheça o fotógrafo Ivan Filho

Nome: Ivan Guimarães Filho
Idade: 34
Instagram: @ivanfilho_

Desde quando fotografa ensaios sensuais?
Desde 2014

É seu trabalho principal ou hobby?
A fotografia sensual é apenas uma parte do que costumo fazer. Também trabalho com eventos, retratos e pretendo migrar pro vídeo em breve.

Você tem algum projeto específico?
No momento não, mas quero voltar a fazer trabalhos autorais. Acredito que eles estimulam a nossa criatividade e nos fazem sair da nossa zona de conforto.

Qual você considera ser o maior desafio em fazer fotos sensuais?
Não me deixar prender às várias referências que tenho guardadas nas várias pastas de ideias que salvo por aí, e sim seguir meu instinto e deixar o ensaio fluir de forma natural e tranquila.

Como foi fazer as fotos?
Foi tranquilo. A Millene e a Akalli são muito amigas, então tudo correu de forma natural e sem pressa.

O que ou quem você gosta de usar como referências pro seu trabalho?
Como disse, estou tentando não me prender muito as várias referências que busco e encontro por aí, e seguir mais meu instinto, porém também tenho pesquisado bastante sobre fotografia de cinema. Aprendi que antes da técnica ou do equipamento, a linguagem que se quer passar é mais importante. Isso tem sido um grande diferencial pra mim ultimamente.

Com vocês, Akalli e Millene