panda1
Sob o argumento de que este anúncio faz apelo à sensualidade usando símbolo infantil,  o Conar (Conselho Nacional de Autorregulamentação Publicitária) suspendeu hoje a campanha do motel Panda, no Rio.

A atriz Nana Gouvêa perdeu as estribeiras ao saber que um outdoor do motel paulista Panda, que traz uma foto sua, havia sido suspenso pelo Conselho Nacional de Autorregulamentação Publiciária, o Conar. Pelo Twitter, Nana Gouvêa atacou não só o órgão governamental, como também o anunciante, dizendo que os direitos para uso de sua imagem já estão expirados. “Conar: Vocês não têm nada realmente importante pra fazer, não é?! Panda Motel: O prazo de uso da imagem contratado já venceu, vocês deviam é me pagar para usar minha imagem fora do prazo”, postou.

panda2
Em seguida, a modelo desabafou dizendo que bichinho de pelúcia não é coisa apenas de criança, e várias mulheres adultas se derretem ao ganhar um. “Que preguiça da hiprocrisia demagoga de quem usa de subterfúgios para mascarar suas verdadeiras intenções! O que será que está verdadeiramente por trás dessa atitude do Conar? Para onde estão querendo desviar a atenção?”, questionou, com ares de teoria da conspiração.

Fonte: Pop