A professora Stephanie Robinette, de 30 anos está sendo acusada de atacar um grupo de policiais usando o próprio leite materno. É isso mesmo o que você acabou de ler. Ela foi detida no último sábado (25), bebassa depois de uma festa de casamento, brigar com o próprio marido e sair dirigindo alucinadamente pela cidade.

De acordo com o site The Weekly Vice, Stephanie foi abordada pela polícia, mas se recusou a sair do carro. Ficou só xingando. O xerive local, Walter Davis, afirmou que a mulher começou a se comportar indevidamente assim que pediram para ela encostar o carro.

– Ela avisou que estava amamentando, tirou um dos peitos para for a e começou a espirrar leite nos policiais. Stephanie foi presa pela violência que cometeu, por resistência à prisão e por má conduta.

Fonte: Daily News