landscape_1424205476-fifty-shades-grey-sex-stunts
Uma mulher de 33 anos teve que ser retirada da sala do cinema por estar se masturbando durante o filme “50 Tons de Cinza”. O caso ocorreu na cidade de Sinaloa, no México.

De acordo com o portal espanho “La Verdade”, a mulher foi denunciada por outras pessoas que também assistiam ao filme — adaptação do livro sensual-erótico de E.L. James. Ela foi retirada da sessão e presa por “falta de moral”.

O longa que estreou às telas do Brasil no dia 12 de fevereiro mostra uma história de amor, erotismo e perversão (há controvérsias) que deixou um exército de mulheres ouriçadas mundo afora.

Fonte: Mail Online