tinder
As mulheres que usam maquiagem em sua foto de exibição no “Tinder”, o aplicativo de relacionamento mais famoso do mundo, largam na frente quando o assunto é dar “match”. Foi isso que o Tinder informa ter identificado após realizar um levantamento baseado nas fotos que moças presentes no serviço utilizam como imagem de exibição. E as usuários que carregam na maquiagem se dão ainda melhor. Elas possuem 26% mais chance de receberem sinal verde do que as usuárias que apostam em maquiagem, mas sem exagerar

Para o Tinder, há uma explicação para a vantagens das mulheres que capricham na produção. Aquelas que recorrem a truques cosméticos melhoram o tom da pele e tornam o rosto mais simétrico. As duas características são dois sinais físicos que, afirma o aplicativo, sinalizam aos pretendentes que elas possuem bons genes.

As usuárias são que carregam na maquiagem são, segundo o Tinder, 39% do total das mulheres com perfil no aplicativo. Aquelas com maquiagem leve são a maioria, 53% do total. Já as moças que preferem exibir fotos com um visual natural representam 9%. Contando homens e mulheres, o Brasil possui o segundo maior número de usuários do Tinder no mundo, logo atrás dos Estados Unidos, país em que o app foi criado.

A publicação de fotos de mulheres usando ou não maquiagem virou assunto de discussão, a ponto de a defesa dos cosméticos terem gerado uma campanha em redes sociais. No fim de junho, Nikkie, youtuber holandesa que publica tutoriais de maquiagem, convenceu jovens do mundo todo a postarem fotos no Instagram com metade do rosto pintado e acompanhadas da hashtag #powerofmakeup.

“Notei muito que ultimamente as garotas estão envergonhadas em dizer que gostam de se maquiar. Atualmente, se você diz que adora maquiagem é porque você quer ficar bonita para os homens, ou porque você é insegura e não se ama. É praticamente um crime dizer que você gosta de cosméticos”, afirmou Nikkie.

Fonte: Folha de São Paulo