mulheres-se-perdem
Nós homens sempre nos gabamos das qualidades de sentido e orientação que temos. E agora existe um estudo que  comprova isso. Um grupo de cientistas colocou mãos à obra e descobriu a razão pela qual as mulheres se perdem mais do que os homens.

Eles chegaram a uma conclusão simples: a testosterona tem a culpa deste fenômeno. Ao longo dos anos, várias investigações já mostravam maior aptidão dos homens para tarefas espaciais e isto já não é novidade para ninguém. Foi a partir desta ideia que um grupo de investigadores da Universidade de Ciências e Tecnologia da Noruega conseguiu provar a teoria de que um homem se perde menos do que uma mulher. Após alguns testes, os cientistas conseguiram compreender que os hormônios são responsáveis por esta vantagem masculina.

Para chegar até este resultado, foram feitos uma série de testes que incluíram tarefas de orientação de mulheres e homens num mapa tridimensional num período de 30 segundos, mas também ressonâncias magnéticas para visualização das diferentes atividades cerebrais.

Com as ressonâncias, os cientistas conseguiram perceber que os indivíduos do sexo masculino utilizam diferentes partes do cérebro nas atividades de orientação, isto em comparação com as mulheres presentes no estudo. O que foi entendido deste estudo é que os homens usam pontos cardeais para a sua orientação e isso faz com que a sua forma de raciocínio seja mais eficaz nestes casos.

E se uma mulher tomar testosterona?

Houve ainda uma segunda investigação em que foram dados hormônios masculinas a 50% de um grupo de indivíduos do sexo feminino. Neste estudo, não houve uma melhoria efetiva das capacidades de orientação. No entanto, houve uma atividade cerebral diferente da mostrada pelas mulher que não tinham tomado esses hormônios.

Ficou assim provado que a testosterona tem uma influência direta em todas as tarefas espaciais feitas por alguém.