Você já deve ter ouvido falar sobre o Outubro Rosa, mas se até hoje não sabe muito bem do que se trata, temos um bom motivo para você se interessar: homens também podem ter câncer de mama. (No ano passado já falamos a respeito)

Todo ano, no mês de outubro, o mundo volta sua atenção para a importância da prevenção e diagnóstico precoce do câncer de mama. Grandes marcas fazem campanhas, trocam as cores de seus logos, revertem partes de vendas para ongs e instituições relacionadas a luta contra o câncer, promovem eventos especiais para o mês. No esporte também vemos manifestações de apoio. Um exemplo comum é a NFL, liga de futebol americano, em que os jogadores entram em campo com equipamentos na cor rosa.

O câncer de mama é o segundo tipo de câncer mais comum entre as mulheres (fica atrás apenas do cancer de pele). Mas se você acha que é um problema exclusivo das mulheres, volte duas casas. Apesar de raro, ele se manifesta em homens, sim.

Estudos mostram que,  a média de idade dos homens que apresentam a doença varia de 50 a 70 anos.  Entre as principais causas da doença nos homens estão as alterações genéticas e hormonais, alimentação rica em gorduras, excesso de álcool ingerido, além do uso de anabolizantes ou de hormônios.

Mulheres acima de 40 anos devem fazer o exame preventivo, a mamografia, anualmente. E as que têm casos anteriores na família, devem fazer já aos 25. Homens também devem ficar atentos ao aparecimento de “carocinhos”.

Neste ano também estamos convocando as nossas leitoras a participarem da campanha mandando fotos pra gente!

leitoras