Seus avós provavelmente não sabem o que é o aplicativo Tinder e para quê ele serve –talvez seja melhor assim mesmo. Mas Joe Cole, um velhinho simpático de 89 anos, estrela do canal do YouTube Slow Clap, descobriu do que se trata o aplicativo graças a seu neto Ethan.

Cole ganhou um perfil no serviço de paquera, teve 37 combinações e até se encontrou com algumas moças. Tudo foi documentado. Antes, ele pensava que a palavra Tinder, em inglês, significava apenas lenha. Grande evolução.

Tem um porém: Ethan não usou exatamente a foto mais recente do avô. A imagem escolhida, de um homem forte deitado numa cadeira de praia, tinha um toque meio vintage e era de quando Cole tinha 21 anos. Risos e surpresa marcaram a reação das cinco mulheres que foram enganadas pelo “cineasta Joe, de 21 anos”. Elas concordaram com as gravações porque haviam sido informadas de que ele estava fazendo um documentário.

A ideia de seu neto Ethan era interromper os encontros mais tarde e, quem sabe, ficar íntimo de alguma das pretendentes com a ajuda do avô, que, vale dizer, é casado. Não deu muito certo.

Fonte: Folha