Home Música Este clipe é a prova de que o rock brasileiro raiz ainda está vivo

Este clipe é a prova de que o rock brasileiro raiz ainda está vivo

Se tem uma coisa que a gente gosta, é descobrir novas bandas de rock pra ouvir. E quando elas lançam até clipe, então, é melhor ainda. Essa semana a NUDZ, que é de Belo Horizonte, lança o clipe de sua música My Sexual Tool. Eles se juntaram em 2017 e têm bandas como Alice in Chains, Deftones, Queens of The Stone Age como inspiração. 

A grande sacada disso tudo é que foi uma produção de baixo orçamento e sem a atuação de uma equipe técnica – o próprio diretor (guitarrista da banda e produtor audiovisual, Fred Chamone) roteirizou, filmou e editou. A maior prova de que o rock old school ainda está vivo.

“My Sexual Tool” é um videoclipe no estilo “storytelling” com uma linguagem que se aproxima do cinema, porém, também possui muitos elementos dos videoclipes de estilo “pop”. O roteiro descreve um rapaz que é seduzido por duas dançarinas, e elas o fazem de refém, armadas “até os dentes”. 

E o que é o rock sem questionar ou mexer com conceitos da sociedade, né? O clipe deixa como ultrapassada aquela ideia de que mulher é um sexo frágil e submisso. Também inclui temas LGBT, fetiches e cultura da violência e armas. Apesar de não ser literal à música “My Sexual Tool”, a banda faz muitas referências à ela. 

Você pode assistir a partir de hoje no Youtube e fazer suas próprias reflexões:

Pra quem quer saber mais sobre a banda em si, ela originou de riffs de guitarra em afinação baixa (drop C), explorando harmonias de rock alternativo, stoner, grunge, e do metal moderno. Curtiu o nome deles? Pois é, “NUDZ”, (faz uma alusão indireta ao termo NU METAL) explorando densidade, groove e harmonias/melodias sublimes.

Eles estão no Spotify também. Bora colocar na playlist da semana!

Mais posts pra você

COMENTE JÁ