Home Música Tuxedo – O disco e funk ainda vivem

Tuxedo – O disco e funk ainda vivem

Por aqui já falamos de duplas que respiram os anos 80, especialmente o funk americana, quem não se lembra do Chromeo. Dessa vez, chegou a hora de lhes apresentar o sensacional Tuxedo que traz de volta o famigerado estilo disco em suas músicas.

Tuxedo

Tuxedo

Tuxedo é formado pela parceria de Mayer Hawthorne, cantor/compositor de neo soul vindo de Los Angeles (falamos dele por aqui) e do produtor de hip-hop Jake One. A dupla foi influenciada pelos clássicos disco-funk dos anos 70 e 80, como o grupo Chic e Parliament.

Os dois se tornaram amigos pois se encontrarem constantemente no meio musical. Como possuíam gostos em comum, Mayer e Jake trocavam mixagens de suas músicas favoritas em 2006. Embora, essa sintonia entre os dois existisse de fato, Tuxedo apenas surgiu anos mais tarde.

Carreira

Tuxedo

Tuxedo viu a luz do dia apans 2015, com o lançamento do primeiro single Do It seguido do álbum de estreia que trazia o mesmo nome da dupla, uma coisa recorrente no futuro. 

Eles abusavam dos sintetizadores e um falsete admirável que representava de uma maneira contagiante a nostalgia pelo passado, o chamado nu funk atual, mas para resumir da melhor maneira, é o pop e funk que arrebenta nas pistas de dança.

Contudo, o segundo álbum demorou demais para ser lançado, apesar do sucesso do primeiro, a carreira solo de Mayer Hawthorne entre shows e lançamentos de novos álbuns deixou o Tuxedo em um grande hiato.

O cantor não conseguia dar a devida atenção. Segundo os dois, criar um álbum, ainda mais com gostos semelhantes é uma paixão e demanda carinho e coração para sair da maneira perfeita.

Em 2017, o duo se reuniu finalmente para lançar o álbum Tuxedo II, além de manter a qualidade anterior musical, ainda contava com as participações especiais de Snoop Dogg e da cantora Gavin Turek.

Um fato curioso e que você vai adorar reparar é como eles fazem a linguagem dos seus videoclipes, a maioria deles conversam e tem como foco a dança como razão do viver.

Empolgados, a dupla fez questão de começar a produzir e gravar seu terceiro álbum, Tuxedo III foi lançado em 2017, as letras inteligentes de Mayer junto com os swings de energia misturados aos arranjos de Jake se transformavam em algo harmonioso e arrebatador. Sem esquecer, das participações especias de MF Doom e CeeLo Green.

Mais posts pra você

COMENTE JÁ