Nome: Hilo
Profissão: Fotógrafa, Modelo, Podcaster
Cidade: São Paulo

Esta não é a primeira vez da Hilo no Testosterona. Ela já foi Testosterona Girl e também já fez alguns posts no blog. Nós conversamos com ela sobre sensualidade, suicide girls, e sobre o seu podecast. Confira a seguir

Hilo!

Hilo

Hilo, pra começar, eu quero perguntar qual a diferença pra você entre erotismo e pornografia?

Já começa com uma boa pergunta, acho muito dificil colocar um limite claro entre as duas coisas. E ainda daria pra aumentar a pergunta: diferença entre sensualidade x erotismo x pornografia!

Acho que a pornografia, a palavra já diz “grafia” é uma representação, no caso, não é exatamente real e é feito para entreter. Já o erotismo toca mais na veia da realidade, a pornografia está relacionada à exposição, o erotismo, à intimidade.

Comecei com este tema, porque nós temos feito posts abrindo espaço pras mulheres que trabalham com o universo erótico. Você acha que ainda existe muito preconceito das pessoas com quem trabalha com erotismo?

As pessoas não estão preparadas pra essa conversa! Os próprios consumidores tem muito preconceito e as mulheres que não são do meio tem preconceito. Isso vem de ideias relacionadas a prostituição, o que também não deveria haver preconceito sobre. Já é difícil para muitas pessoas falar sobre sexo, e é difícil entrar num sex shop, imagina descobrir que sua vizinha é uma camgirl, ou vende o famoso “pack de pé”! As pessoas surtam!

Você sofreu algum preconceito por parte de família ou amigos por isso?

No começo, a minha mãe simpatizou com a ideia. Mas, depois, algumas fotos minhas caíram em grupos de whatsapp (e nem eram as mais pesadas) e aí muitas pessoas falaram pra ela, então, acho que ela meio que mudou a ideia. De qualquer forma, eu ainda trabalho como fotógrafa, o que que garante nessa sociedade louca nossa, um status de arte. Mas, no final é aquela história: pague meus boletos e depois fale de mim!

Há quanto tempo você trabalha como modelo e fotógrafa? O que te fez trilhar esse caminho?

Como modelo, já fazem 5 anos! Como fotógrafa, um pouco mais. Eu sempre achei muito legal quando era adolescente, mas meio que deixei essas ideias de lado. Um dia apareceu um vidente na minha casa e disse que eu seria modelo ou atriz. Ele acertou no modelo! É uma história longa e esse cara doido desapareceu e eu nunca mais encontrei ele, se soubesse que iria acertar tantas coisas, teria perguntado mais! Ele também disse que a carreira de fotógrafa ia dar certo e estou aí até hoje! Eu sempre gostei de fotografar, meu pai era fotógrafo também, talvez esteja no sangue, ou seja coincidência.

Hilo

Hilo, você se considera uma pessoa exibicionista?

Sim! O que é bizarro, porque pessoalmente sou muito na minha, meio tímida e as pessoas podem nem imaginar que gosto de me exibir e tenho fetiche de locais públicos (ops), e eu gosto de me exibir na internet para seguidores que me adoram.

Aproveitando que estamos falando do que as pessoas não imaginam. Tem algo que você nunca contou pra ninguém?

Pra ninguém é difícil, porque meu namorado sabe de tudo! Nunca contei sobre os lugares públicos, só agora.

E como seu namorado encara o seu trabalho?

Meu namorado me ajuda com nos videos! Ele me apoia muito.

Hilo

E quando você entrou pro suicide girls, o que mudou na sua vida?

Muita coisa! As pessoas começaram a se comportar diferente comigo, na época, estava solteira, então, posso dizer que todos os homens que saí de Tinder brocharam pra mim, acho que eles ficavam meio intimidados!

Isso no primeiro ano, depois, meio que todos engoliram que eu não ia mudar, mas muitos boatos, muita fofoca, tudo isso fez parte. Outra coisa que mudou foi eu me descobrir melhor, entender melhor sobre sexualidade, a importância disso nas nossas vidas, e de se conhecer e não ter preconceitos. E também, graças a tudo isso, eu vim morar em SP, já que estava vindo pra cá várias vezes para fotografar outras meninas e ser fotografada, acabei ficando.

E agora você também fotografa pra eles e é recrutadora do Suicide Girls né?

Sim, mas, eu demorei para fotografar, era muito insegura, tinha medo de fazer “erradas” as fotos! O site tem um jeito de fotografia que é deles, mas dá pra brincar muito em cima disso, e usar a criatividade, então sim, é artístico!

O que você pode contar pra gente sobre isso, pra quem tem curiosidade de saber como funciona o recrutamento?

Bom, sobre recrutar, eu indico a menina que tem vontade de se tornar uma Suicide Girl ao site e ajudo ela no básico para fazer inscrição, fotografar e como se divulgar, aí já abre um caminho para ela.

E o que você gosta de fazer nas horas livres? Como é a Hilo no dia a dia?

Como estamos de quarentena, tenho ficado 99% do tempo em casa, então, eu produzo conteúdo para Onlyfans e redes sociais, tento fazer exercícios, assisto filmes, séries, jogo vídeo games, leio, faço comida e bebo muito vinho! Além do meu Podcast, o Hiloucura, que iniciei na quarentena (já virou clichê né) e está disponível no Spotify e outras plataformas.

O seu podcast tem um tema? Sobre o que você fala nele?

Sim, falo sobre o universo de Sex Workers, que engloba vários nichos desde pessoas que trabalham com erotismo, pornografia e o sexo explícito mesmo. Tenho focado mais em venda de conteúdo adulto na internet e seus criadores, já entrevistei algumas pessoinhas legais do ramo.

Hilo

Que legal! E você acompanha toda a cena das sex workers então né? Quais as modelos que você mais curte?

Nossa, são muitas! Mas pago muito pau pra Dread Hot, ela é muito agilizada e faz um conteúdo do bem, que não prejudica os sex workers. A gente acaba acompanhando uma a outra, e sabendo o que todas tem feito. Também gosto muito do trabalho da Vanp, ela tem um estilo único, meio gótico, meio queer que deixa todo mundo de boca aberta! Sou fã também das meninas que sabem posar como divas e são independentes, todas nós temos uma história.

E você também migrou pro Only Fans? Que tipo de conteúdo erótico a modelo Hilo produz?

Sim! O OnlyFans tem se revelado uma excelente plataforma para as modelos. Eu produzo fotos profissionais, selfies, alguns (poucos ainda) cosplays e videozinhos sexy com namorado.

Hilo

Você assiste pornô? Tem algum ator ou atriz favoritos?

Eu assisto mas não tenho atores favoritos! É tanta gente nesse meio!

Qual o segredo pra ganhar o coração da Hilo?

O segredo pra ganhar meu coração? Gosto de gente sincera e que não seja sem noção, mas acho que ganha mesmo se for gordito. Risos!

Hilo

O que você mais gosta no Testosterona?

Gosto que dá espaço para várias meninas, de todos os tipos e dá chance das meninas ingressarem no mercado, um marketing pra elas.

Deixe um recado pros nossos leitores

Agradeço aos seguidores que me apoiam assinando meu trabalho e sempre comentando e curtindo as fotos e vídeos, é assim que se apoia sua modelo favorita! Beijinhos!



Share this...
Tweet about this on Twitter
Twitter