Home Relacionamento Namoro Online – O futuro das relações

Namoro Online – O futuro das relações

643 visualizações

Desde que a internet surgiu em nossas vidas acabou mudando praticamente a maneira como enxergamos e vivemos as experiências pessoais, passamos a aceitar a praticidade que fomos apresentados, os relacionamentos ainda mais, agora presenciamos uma era onde o namoro online nunca foi tão recorrente.

Namoro Online

Namoro Online

Inegavelmente que a vida de muitos se tornou extremamente agitada devido a isso os aplicativos de namoro online se tornaram tão receptivos e práticos. Convenhamos, até para aqueles tímidos nunca foi tão fácil se aproximar de alguém. Esse crescimento de relacionamentos virtuais aumentou ainda mais com a pandemia.

Aliás, o Tinder, aplicativo de namoro online, possui a maior quantidade de usuários do mundo.  Seu público aborda especialmente a Geração Z (18 a 25 anos), seu crescimento de usuários na pandemia proporcionou para os jovens aquela necessidade de perda, saudade e solidão de fases complicada. A vontade de conhecer alguém precisou ser agilizada.

namoro online

As coisas não param por aí, o ano passado foi tão bombástico para o namoro online que podemos esperar que os próximos anos definam como serão os relacionamentos no futuro. A Geração Z está rompendo barreiras e criando uma realidade, mais livre de tabus e do tradicionalismo.

A conexão se tornou algo fluido, claro as expectativas se tornaram naturais sem muitas frustrações, emoções (honestas e autênticas) e experiências (mais práticas do que teóricas). Algo muito mais sensitivo.

No verdadeiro estilo da Geração Z, eles lidam com contradições sem esforço – ao mesmo tempo buscando conhecer mais gente, mas também sendo mais criteriosos na hora de fato se conectar com alguém. Isso tudo, é claro, sempre valorizando os pequenos gestos e momentos de afeto.

Futuro do date em números:
• 19% mais mensagens foram enviadas por dia em fevereiro de 2021, em comparação com fevereiro de 2020.
• As conversas foram 32% mais longas durante a pandemia.
• 11% mais Swipes (arrastar para lá ou para cá) e 42% mais matches por membro do Tinder.
• A Geração Z também se voltou para chats de vídeo. Quase metade do Tinder conversou por vídeo com um match durante a pandemia, e 40% planejam continuar usando o vídeo para conhecer pessoas, mesmo quando a pandemia acabar.

COMENTE JÁ

Mais posts pra você