Home Sexo Cérebro pornificado e vício por pornografia

Cérebro pornificado e vício por pornografia

Qual a relação da pornografia e disfunções sexuais? Já ouviu falar em NOFAP? Vem cá que eu te explico! Vício em pornografia não é a mesma patologia do vício por sexo, que é chamado de Ninfomania. Na compulsão por sexo, a pessoa tem muita libido, querendo transar a toda hora, mesmo se colocando em situação de risco. No vício por pornografia, a pessoa se masturba várias vezes, mas muitas vezes não tem libido nem mesmo para transar com a sua esposa/o.

Vício por pornografia

O uso frequente de pornografia pode mudar o desejo sexual de um homem, potencialmente na medida em que ele não fica mais excitado por interações sexuais da vida real. Esse fato parece ser o centro da causa da disfunção erétil induzida pela pornografia, que afeta homens jovens e saudáveis no final da adolescência e no início dos 20 anos, devido a se masturbar na pornografia com muita frequência.

“NOFAP”?

O principal objetivo do “nofap” é auxiliar homens viciados em pornografia a se libertar dessa dependência, visto que o vício em pornográfica comprovadamente é causador de disfunção erétil/impotência sexual. Orientações e uma comunidade de apoio são duas grandes ferramentas para a superação de qualquer vício. O objetivo secundário desse grupo é mostrar os benefícios da abstinência de masturbação. E como sabemos que nossa masturbação se tornou um vício? Os sintomas são parecidos com qualquer outra dependência:

  • A pessoa não consegue deixar de ver ou abrir o celular e não acessar conteúdos eróticos;
  • Tem fissura ou ansiedade quando está em ambiente que não permite o acesso a pornografia;
  • Perde o interesse por outros assuntos ou outras atividades que não a pornografia;
  • Perde interesse inclusive a fazer sexo ou a buscar estímulos reais com uma outra pessoa;
  • Não consegue parar mesmo sabendo que perde tempo e que não faz bem para sua saúde menta;
  • Tem tolerância aos vídeos de sexo convencionais, ou seja, sempre precisa de estímulos maiores, com vídeos mais ousados ou mesmo grotescos.

Se interessou pela comunidade e quer compartilhar sua história e conhecer mais pessoas que passam pelo mesmo vício? Vem conhecer a comunidade: www.nofap.com e www.reddit.com/r/NoFap/

REABILITAÇÃO DE USUÁRIOS DE PORNOGRAFIA

Se você treina seu cérebro para a pornografia, é assim que ele ficará condicionado a ter prazer. Então, quando você está com uma mulher de verdade, seu “cérebro pornificado” não está enviando sinal suficiente abaixo do seu cinto para ser despertado, desencadeando a impotência. É interessante notar que esses pacientes costumam não responder mais ao uso de medicamentos para a disfunção erétil. POR QUÊ? Porque a raiz do problema não está no pênis, mas é no cérebro.

O primeiro passo para superar esse problema é se afastar da pornografia por pelo menos alguns meses e considerar uma abordagem com um sexólogo. Na minha página @tammyy_duarte abordo temas sobre sexualidade, relacionamentos e outros tabus de forma a tornarmos a conversa sobre sexualidade e problemas enfrentados mais corriqueiro, que consigamos lidar com nossas questões íntimas de forma natural.

O vicio por pornografia pode se dar por diferentes fatores, inclusive familiar, numa família marcada pela histeria, pela superstição, pela hiperprotecção e por regras extremamente rígidas, é necessário um escape, que pode surgir por meio da masturbação. Ao mesmo tempo que se tem o prazer e a fuga de problemas familiares, tem também a masturbação vivida com grande culpabilidade e medo, usando as palavras de Alexande Portnoy, no livro “O complexo de Portnoy”: “Agora imagine só os tormentos que a minha consciência me fazia passar por todas aquelas punhetas! A culpa, os medos – o terror instilado até ao mais fundo de mim!”.

No entanto, é importante também sublinhar um fator que contribui para que a masturbação possa ser um problema: o fato de ainda existiram múltiplos mitos à volta dela. É essencial limpar os preconceitos que se foram construindo ao longo dos anos e naturalizar a masturbação como um comportamento perfeitamente ajustado e até benéfico, quando não assume a forma obsessiva.

O tratamento para vicio em pornografia é parecido com outras dependências, atuando bastante no comportamento compulsivo/dependente. Há medicações que diminuem a intensidade do prazer gerado pela pornografia, reduzindo a vontade na sua busca, medicação que controla a fissura ou a ansiedade, ou mesmo medicação que controle a compulsão. E mais do que sair do vício, o objetivo é conseguir colocar outros prazeres saudáveis na vida para que o cérebro não fuja para a pornografia.

vicio em pornografia
vício por pornografia

PORNOGRAFIA E O TANTRA

Não é uma exclusividade masculina, muitas mulheres consumistas de filmes pornô enfrentam frustrações nas relações com seus parceiros por não encontrar a virilidade que vê no filme.

A pornografia nos traz a fantasia e grande nível de excitação em tela, ficamos excitados pela tela que transmite a pornografia, mas que em nosso corpo não está acontecendo efetivamente nada, nossa mente está estimulada e nosso corpo desestimulado, a proposta é usar esse alto nível de excitação de forma que com a respiração essa excitação permeie o corpo e não fique apenas no campo das ideias, com essa energia sexual sendo expandida para o corpo conseguimos ampliar e superar limites.

A prática tântrica une a sexualidade, amor e espiritualidade que aproxima a pessoa de sua essência, tem o propósito de estar em sintonia com a natureza interior, e ao levar o sexo a seu lugar de fato, como algo divino, pois essa energia sexual, a chamada libido, é nossa fonte mais potente de energia, é nossa energia vital – somos conduzidos a supraconsciência. Por meio do autoconhecimento corporal e energético, é possível desfrutar de todo o potencial dessa nossa energia criativa, energia de vida.

Após a liberação de bloqueios a energia sexual se torna mais expansiva, é possível experimentar a conexão com o sexo e o coração que transforma a maneira de se relacionar consigo mesmo e com o outro, sem ter que recorrer ao mundo as ideias que a pornografia oferece, porque seu corpo estará desperto para sensações reais, conexões reais. Quer saber mais como vivenciar a própria energia e conhecer as diferentes formas que ela pode se mover? Veja minha página @tantraterapia21.

COMENTE JÁ

Mais posts pra você