• 12 cervejas que combinam com o inverno

    Por: Edu | Em: Cerveja | 03 de julho de 2015

    Quando falamos em cerveja, logo vem na cabeça a imagem de sol, praia, piscina, calor, verão… Não é mesmo?! Pois é, tradicionalmente pensamos assim, que o inverno combina mais com vinho ou outras bebidas quentes.  Para quebrarmos este mito, vamos apresentar uma lista com 12 cervejas nacionais para serem consumidas no inverno! Isso mesmo, no inverno! As cervejas para esta época do ano tendem a ser mais encorpadas e com uma graduação alcoólica maior, para provocar a sensação de aquecimento gerada pelo álcool. Isso sem falar nas maravilhosas harmonizações entre cerveja e comida.

    Vamos para a nossa lista então?! Doze cervejas nacionais que combinam com o inverno:

    cerveja1

    1 – BADEN BADEN CELEBRATION

    Estilo: Double Bock (Doppelbock)
    ABV: 8,2%
    Copo indicado: Snifter

    Relançada todos os anos em edição limitada, a Celebration Inverno foi elaborada para celebrar o sabor do inverno. Ela possui cor castanho escuro, aroma de maltes torrados que remetem a chocolate e café e corpo intenso. A Baden Baden Celebration Inverno é uma cerveja encorpada e acompanha muito bem pratos como feijoada, carnes vermelhas como de vitela, carne de porco assadas ou grelhadas, e queijos Parmesão, Roquefort e Gorgonzola. Além disso, é excelente para acompanhar as sobremesas a base de chocolate amargo.

    cerveja2

    2 – BAMBERG BAMBERGERATOR

    Estilo: Doppelbock
    ABV: 8,2%
    Copo indicado: Snifter

    O estilo Doppelbock é marcado pela presença de malte, tanto no aroma quanto no sabor. O lúpulo tem papel crucial, equilibrando a doçura do malte e deixando a cerveja mais fácil de ser bebida. O teor alcoólico alto de 8,2% aparece com a sensação de calor, sem predominar no aroma e no sabor. A Bambergerator harmoniza com comidas gordurosas, ensopados, pratos apimentados, carnes de caça e queijos maturados por longo período.

    cerveja3

    3 – BODEBROWN CACAU WEE

    Estilo: Scotch Ale com cacau
    ABV: 8,0%
    Copo indicado: Snifter

    A Cacau Wee foi desenvolvida como uma das variações da primeira cerveja da Bodebrown, a Wee Heavy. Ela é composta por sete tipos de maltes, levedura escocesa e adições generosas de cacau brasileiro (pedaços da semente do Cacau com tosta controlada) proveniente de fazendas na cidade de lhéus, Bahia. A Cacau Wee harmoniza com sobremesas a base de chocolate, frutas vermelhas e cheesecake.

    continue lendo…

  • 10 estatísticas sobre a vida sexual do brasileiro

    Por: Edu | Em: Notícias, Sexo | 03 de julho de 2015

    casal
    13% dos homens casados já tiveram mais de 7 amantes

    Seis em cada dez homens brasileiros casados da classe A admitem já ter tido pelo menos uma amante, segundo pesquisa feita pela revista masculina GQ em dezembro de 2013. Do total de entrevistados, 13% afirmam ter se relacionado com mais de 7 amantes. O estudo ouviu 500 pessoas entre homens e mulheres, de 11 capitais brasileiras, todos pertencentes à classe social A.

    5 em cada 10 brasileiros têm mais de 10 parceiros sexuais

    No ano passado, metade dos brasileiros contabilizou mais de 10 parceiros sexuais ao longo da vida, segundo pesquisa do Ministério da Saúde. Há 10 anos, apenas 18% dos entrevistados admitiam o mesmo número de parceiros. A Pesquisa de Conhecimentos, Atitudes e Práticas na População Brasileira (PCAP) ouviu 12 mil pessoas, de 15 a 64 anos, em todo o país.

    9 em cada 10 mulheres brasileiras compram produtos eróticos

    Um estudo feito pela empresa Hibou revelou que 42% das mulheres brasileiras afirmaram que iriam para cama com um desconhecido. Outras 87% disseram consumir produtos eróticos. A pesquisa entrevistou 2 mil mulheres em todo o país.

    23% das meninas até 15 anos já tomaram pílula do dia seguinte

    Um levantamento da Casa da Adolescente, da Secretaria de Estado da Saúde de São Paulo, mostra que 23% das adolescentes já usaram a chamada pílula do dia seguinte, por não terem usado preservativo nas relações. A pesquisa foi realizada com 600 adolescentes, em 2013.

    Só metade dos brasileiros usa camisinha em todas as relações sexuais

    Mas o índice é melhor do que há 10 anos. Em 2004, 48% dos brasileiros usavam preservativo em todas as relações sexuais. Em 2013, o índice saltou para 54% da população. A Pesquisa de Conhecimentos, Atitudes e Práticas na População Brasileira (PCAP) ouviu 12 mil pessoas, de 15 a 64 anos, em todo o país.

    Um terço dos jovens brasileiros tem o costume de fazer sexo sem proteção

    De acordo com a pesquisa Lenad 2014 (Levantamento Nacional de Álcool e Drogas), 3 em cada 10 rapazes e 38% das moças afirmam utilizar camisinha raramente ou nunca em suas relações sexuais. No total, 34,1% dos jovens brasileiros têm o costume de fazer sexo sem proteção. Quase um terço das jovens com idade entre 14 e 25 anos já engravidou ao menos uma vez. Entre as que tinham menos de 20 anos, a taxa era de 16,5%.

    camisinha

    4 em cada 10 jovens dispensam a camisinha quando estão em um relacionamento estável

    Uma pesquisa feita pela Caixa Seguros, em dezembro de 2012, revelou como os jovens brasileiros encaram o sexo. Os números revelam que as informações sobre prevenção de doenças ainda não chegam com efetividade a esse público. Um exemplo: 24% dos entrevistados afirmaram ser possível pegar o vírus HIV pela saliva. A falta de informação se justifica, pois apenas 9,4% deles foram a um centro de saúde nos últimos 12 meses para obter informações ou tratamento para DSTs, doenças sexualmente transmissíveis. Os números mais expressivos se referem ao sexo seguro: 40% dos entrevistados acham que quando o relacionamento é estável não é necessário usar camisinha. A pesquisa ouviu 1.208 jovens entre 18 e 29 anos, em 15 Estados e no Distrito Federal.

    7 em cada 10 jovens iniciam a vida sexual entre 14 e 18 anos

    A pesquisa da Caixa Seguros mostrou que 73% dos brasileiros com idade entre 18 e 29 anos iniciou a vida sexual dos 14 aos 18 anos. A média de idade na primeira vez é de 17 anos.

    Um terço dos jovens dispensa a camisinha quando usa drogas

    O álcool e as drogas podem ter sua parcela de culpa no alto índice de jovens que não usam camisinha. Segundo pesquisa da Caixa Seguros, 34% dos entrevistados admitiram já ter feito sexo sem proteção após consumir drogas lícitas ou ilícitas.

    20% dos meninos acham que mulher que leva camisinha na bolsa não “serve para casar”

    Embora os jovens reconheçam que as meninas têm direito de pedir ao parceiro que use camisinha (90% disseram concordar), 2 em cada 10 entrevistados pela pesquisa da Caixa Seguros afirmaram que uma mulher que carrega um preservativo na bolsa não “serve para casar”.

  • 16 verdades que os homens precisam saber sobre o Clube das Mulheres

    Por: Fran Vergari | Em: Ponto de vista feminino | 02 de julho de 2015

    MULHERES
    O tema causou polêmica entre a equipe Testosterona há uns dias e achei que o assunto merecia uma atenção. Então, fui até lá ver como era, conversei com a mulherada e entrevistei o próprio idealizador do Clube das Mulheres. E posso afirmar: não é nada disso que você está pensando.

    Fui convidada para a festa de comemoração dos 25 anos do Clube das Mulheres, que aconteceu dia 17, em São Paulo. Já conhecia um pouco do show por ter visto apresentações de alguns personagens em eventos como a Erótika Fair, mas nunca tinha visitado a casa. Vocês sabem, o Clube das Mulheres é a mais famosa casa de shows para mulheres, com reconhecimento até internacional, onde tradicionalmente as mulheres gostam de fazer despedida de solteira, etc. O ponto é que, fiz uma pergunta e o caos foi instaurado:

     E se a sua namorada quisesse ir ao Clube das Mulheres com as amigas?

    Existe essa imagem de que é um “antro de putaria” e alguns chegaram a comparar com puteiros mesmo. Alguns se opuseram por ciúmes, preconceito e, claro, machismo. Mas, ok. Fui para lá com a missão de conhecer o lugar e contar como as coisas funcionam, para você ficar mais tranquilo caso a sua namorada resolva ir. Até porque, você não tem que “deixar” ou “desdeixá-la” fazer nada, certo? Talvez, até o fim desta matéria, eu ainda consiga convencer você de que é uma ótima ideia mandá-la para lá.

    1 – Ponto importante para começar: ninguém fica pelado lá dentro. Os caras começam fantasiados e acabam de sunga. E só.

    2 – É uma casa de shows. E respeitadíssima. Não são quaisquer dançarinos e os escolhidos estão há bastante tempo na casa, além de receberem instruções sobre como agir e quais regras seguir. O próprio idealizador da casa, Focca Barreto, me disse em entrevista quais instruções são passadas aos rapazes: “Eles não podem agarrá-las, não podem passar a mão nas partes íntimas, não podem colocá-las no colo se estiverem de saia, não podem fazer nada que passe a impressão de abuso sobre elas. A ideia é para pegá-las, dançar, mas em movimentos sutis”.

    3 – Reforçando: ninguém vai sair agarrando e se esfregando na sua mulher. Nem ela vai fazer isso. Mas, se a safadinha quiser quebrar as regras, o Focca Barreto conta qual é a recomendação dada aos rapazes: “É difícil acontecer algo constrangedor, mas os rapazes são treinados para sair dessas situações sem deixar a mulher constrangida. Por exemplo, se ela tiver a intenção de pegar aonde não é permitido os rapazes direcionam a mão dela para outra parte do corpo”, explicou.

    4 – Homens não entram. Nem você, nem nenhum outro. Os únicos homens lá são os barmen, os dançarinos o garçom. Então, por que ter tanto ciúme de um lugar que só tem mulher e, o que tem de homem, elas não podem pegar? Pense bem.

    5 – É perfeitamente possível passar a noite lá dentro sem encostar ou ser encostada por um dos dançarinos. Eles descem do palco brincando e convidando as moças mais tímidas para subirem ao palco, mas só vai quem quer.

    6 – As mulheres são mais tímidas do que aparentam. A casa estava cheia, eram cerca de 250 mulheres, e poucas se convidavam para participar das danças. Algumas chegavam a subir ao palco mais de uma vez, tamanha era a timidez das outras.

    7 – Sua namorada ou esposa não vai te trocar por um dos dançarinos, fique tranquilo. Porque, você pode achar que não, mas as mulheres também têm um pouco desse pensamento machista de “homem para casar”, e não sei se trocar você por um dos rapazes está nos planos dela.

    8 – É um banho de autoestima para algumas! Quando uma moça magra subiu ao palco e o dançarino a levantou, eu pensei: “Fez isso porque é magra, quero ver fazer com todas”. Minutos depois subiu uma gordinha e o cara fez o mesmo com ela. Imaginem o bem que isso fez à essa mulher!

    9 – É tudo muito engraçado. As roupas, as músicas, as encenações, os gestos, tudo. Riem deles, riem umas das outras, riem de si mesmas.

    10 – Visivelmente, a mulherada sai de lá louca para transar e cheias de ideias. De vontade de dançar para você, de fazer uma massagem, de usar uma roupa diferente. Conversei com um grupo de amigas que estava ali por uma despedida de solteira e, vai por mim, é sério.

    11 – Pouquíssimo provavelmente elas vão pedir para você fazer tudo aquilo em casa. Também não sei se é muito possível que comprem uma roupa de caubói ou Fantasma da Ópera para você usar (sim, teve isso).

    12 – Vale repetir: é engraçadíssimo. São cenas que elas não veem sempre e nem verão de novo tão logo. Acho que nunca na vida eu tinha visto um cara vestido de motoqueiro dançar “sensualmente” ao som de “Born to Be Wild”.

    13 – O foco são despedidas de solteira. E mais pela graça e tradição que já se tornou. Mulheres solteiras encontram caras bombados daqueles facilmente nas baladas e têm chances de sair com um deles. Ali é outro ambiente, outra proposta.

    14 – Mulheres precisam de mais que isso para se excitarem de verdade. Deixem de ser inseguros.

    15 – São 25 anos de Clube das Mulheres! Acha mesmo que se não fosse um lugar sério e respeitado estaria aberto até hoje? E, segundo o idealizador Focca Barreto, são pouquíssimos os maridos barraqueiros que aparecem por lá: “Por incrível que pareça, em SP nunca houve barracos. Sinceramente, em 25 anos de Clube das Mulheres eu tenho poucas histórias a relatar nesse sentido. Nós conseguimos criar uma situação ao nosso favor, que os maridos e namorados entendem que a nossa intenção é que elas (mulheres e namoradas) se divirtam na casa”, contou.

    16 – O Clube das Mulheres funciona apenas às quartas e quintas-feiras, ou seja, você perde uma noite do fim de semana com ela e, se ela for na quarta, você ainda consegue juntar os amigos para ver o jogo da noite sem ela na sua casa.

    coluna-fran-nova

  • Competição oferece prêmio em dinheiro para a vagina mais linda do mundo

    Por: Edu | Em: Notícias | 02 de julho de 2015

    vagina
    Quando você acha que já viu de tudo na internet, novas ideias aparecem pra te provar que a zoeira não tem limites. Os malucos do vaginacontest.com estão oferecendo 5mil dólares para a dona da vagina mais bonita do mundo. Ao acessar o site, os usuários são recebidos por um vídeo explicando como funciona o concurso e uma estranha representação das vaginas usando fatias de presunto.

    As participantes são instruídas a usar um pedaço de papel na foto com a hastag #AutoblowVaginaBeautyContest pra provar que a imagem pertence ao concurso. O site afirma que as três vaginas mais votadas pelos visitantes, serão levadas para Los Angeles e ganharão uma versão 3D da sua parte íntima, além da premiação em dinheiro.

    Segundo eles, “Tudo pode ser feito de forma anônima, se você é uma estrela pornô , modelo de webcam ou apenas uma mulher normal que acha que tem o que é preciso, participe”.

  • Invenções que mudaram a história da indústria automobilística

    Por: Edu | Em: Carros | 02 de julho de 2015

    Alguns acessórios são tão importantes que não conseguiríamos imaginar nosso carro sem eles. Outros não imaginamos o quanto são tão antigos, nem que foram desprezados por estratégias de marketing. Confira algumas curiosidades sobre as invenções que mudaram a história da indústria automobilística, as controvérsias e as disputas dos “pais” de cada uma.

    Ford_T_Touring

     Limpador de para-brisa.

    Começando com o pé direito, uma invenção feminina. Na verdade, a primeira invenção feminina na indústria automobilística. A norte-americana Mary Anderson se incomodava ao observar o tempo perdido nas viagens de bonde com as paradas para retirada do acúmulo de neve e sujeira do para-brisa. Ela então, em 1903, pensou em uma lâmina de borracha preso a um braço metálico (o que muita gente chama de rodo) movimentado por uma haste. A invenção só foi patenteada em 1905. O primeiro carro a utilizar o limpador foi o Ford T, sob propriedade de um senhor chamado Henry Ford. Após oito anos, todos os carros nos Estados Unidos já saíam com esse recurso.

    AirBag

    Oficialmente, o primeiro carro a ser fabricado em série com esse dispositivo de segurança (que já é obrigatório no Brasil) foi o Mercedes-Benz S Class 1981. Porém, os primeiros até que se chegasse ao Airbag moderno começaram a surgir 30 anos antes, quando um engenheiro alemão chamado Walter Linderer desenvolveu uma bolsa de ar que era ativada pelo para-choque do carro ou pelo motorista.  Infelizmente o tempo de enchimento das bolsas era muito lento, insuficiente para garantir a proteção dos passageiros e motorista em caso de colisão.

    O primeiro Airbag semelhante ao que temos hoje surgiu em 1953. O engenheiro industrial John W. Hetrick usou disparadores de ar comprimido para torpedos e conseguiu criar um sistema de abertura de bolsa muito mais rápido que o experimento anterior, mas não encantou as montadoras. Naquela década elas se preocupavam em passar imagem de força e velocidade, não de segurança. Inacreditável!

    continue lendo…

  • Testosterona: 7 anos e muitas novidades

    Por: Edu | Em: Testosterona | 01 de julho de 2015

    7anos
    Nesse mês de Junho o Testosterona completou nada menos do que 7 anos de existência e ao longo das últimas semanas começamos a fazer algumas mudanças e trazer muitas novidades – algumas você já devem ter percebido; outras vamos contar pra vocês agora:

    – Novos colunistas de Carros e Tecnologia

    A equipe cresceu! Você já devia estar mais do que acostumado com a galera que falava de poker, esporte, cultura, comportamento, cerveja… Agora temos mais dois para falar de Carros e Tecnologia. Sejam bem-vindos, Victor Borges e Gustavo Gusmão! Você pode conhecer mais sobre a equipe toda aqui.

     – A Vida de Jack

    Há algumas semanas estamos publicando A Vida de Jack, que são contos, dramas e aventuras da vida do nosso mascote, Jack Testosterona. E o mais legal: baseados em fatos reais (ou nem tanto).

    – Pensamentos Machos

    Nosso colunista e escritor André Filho vem renovar sua antiga série “O que as mulheres querem” e chega com o “Pensamentos Machos”. Crônicas, contos ou apenas pensamentos mesmo, sobre os mais diversos assuntos que fazem parte do cotidiano e vivem na nossa cabeça.

     – Testosterona Indica

    Uma sessão nova que começamos por aqui em junho deste ano. Durante a semana, vamos juntando o que a equipe indica de leitura, filme, jogos, exposições, séries, links, tudo! Qualquer coisa que acharmos que vale o seu tempo, nós indicamos para você nessa sessão!

     – Testosterona Entrevista

    Uma série de entrevistas quinzenal com gente interessante e que têm história para contar. É uma das novidades aqui no blog também!

    – Nova grade

    Então, a turma fica assim durante a semana aqui no Blog

    Segunda-feira: Tecnologia (Gustavo Gusmão) / Pensamentos Machos (André Filho)

    Terça-feira: Poker (Rafael Justplay)

    Quarta-feira: Carros (Victor Borges)

    Quinta-feira: Ponto de Vista Feminino (Fran Vergari)

    Sexta-feira: Cerveja (Diego Pucci)

    Sábado: Testosterona Indica

    Domingo: Rock de Domingo (Edu)

    pinterest3

    – Pinterest e Google+

    Queremos estar em todo lugar e levar a você nosso conteúdo (e nossos nudes) onde quer que você esteja! Em junho, chegamos ao Pinterest e ao Google+. É só encontrar a gente por lá e não perder nenhuma novidade.

    – Mais Testosterona Girls

    A melhor parte: mais mulheres lindas! Retomamos o projeto Testosterona Girls e a segunda etapa já começou a ser publicada. Suicide Girls fizeram fotos exclusivas para o Blog – e mostramos tudo, até o making-of!