• O Mestre das Espadas: Michael Craughwell é capaz de forjar incríveis espadas gigantes

    Por: | Em: Testosterona Lifestyle | 27 de agosto de 2016

    Michael-Craughwell
    O artesão Michael Craughwell tem um dom muito especial. Ele decidiu transformar o trabalho de serralheiro em um tarefa de conotação épica: fabricando espadas, machados, escudos e demais ferramentas usadas em batalhas medievais. Robustas e forjadas a ferro e fogo – como no passado em que viveram os cavaleiros – as criações são feitas artesanalmente em um exercício que reúne história, arte e força.

    Craughwell nasceu na Irlanda, hoje em dia ele tem um programa na televisão intitulado Big Giants Swords, no Brasil o programa é exibido pelo Discovery Civilization com o nome de “O Mestre das Espadas”, mas há muito tempo ele tem um canal no youtube onde ele mostra toda a construção de espadas fabricadas por ele, absolutamente do zero.

    Mas Michael não fabrica qualquer tipo de espada, ele é capaz de forjar espadas gigantes e incrivelmente belas e mortais. Ele dedica muitas horas da sua vida mostrando todo o processo de construção de suas espadas e posta vídeos que chegam a ter mais de uma hora de duração no seu canal no Youtube, que tem mais de meio milhão de inscritos.

    O irlandês também faz algumas de suas armas sob demanda, e recebe muitos pedidos do mundo todo. Algumas de suas obras são baseadas em espadas de jogos famosos, ou até mesmo de livros e filmes, como a espada gigante do game Final Fantasy, e o machado bio-mecânico de Alien – O oitavo passageiro que você pode conferir no video a seguir:

    Além de fabricar espadas e machados, ele grava vídeos cômicos com as belezinhas que ele faz, veja este vídeo onde o maluco aparece com uma espada gigante pra destruir um maldito barco no meio.

     

  • A ciência descobriu porque as mulheres têm orgasmo

    Por: | Em: Sexo | 26 de agosto de 2016

    orgasmo-feminino
    Pode parecer estranho, mas a ciência até hoje não sabia explicar direito por que mulheres têm orgasmos. Ao contrário do auge masculino, que serve para liberar espermatozóides e dar início ao processo de fecundação, o orgasmo feminino ficou séculos sem explicação.

    durante o orgasmo feminino, músculos se contraem, hormônios são liberados e uma imensa sensação de prazer toma o corpo. Mas todas essas reações fisiológicas não são essenciais para a fertilização dos óvulos – mulheres podem engravidar sem chegar ao orgasmo, por exemplo. Já homens só liberam espermatozóides quando chegam ao auge – e a sensação de prazer faz com que eles sempre queiram repetir a experiência, o que incentiva a reprodução.

    Mas, agora, um novo estudo olhou de perto para o prazer das fêmeas. De fêmeas de 150 milhões de anos atrás, para ser mais exato, quando o fenômeno começou a existir. A teoria acredita que o orgasmo feminino nos humanos é um subproduto da evolução – que teve função quando surgiu – mas que hoje não ajuda nem atrapalha, o que fez com que a característica não tenha sido eliminada. (Algo parecido com o que são os mamilos em homens.) Para chegar a essa conclusão, cientistas analisaram dezenas de espécies diferentes, de coalas a orictéropos (um mamífero africano parecido com um tatu). “Quando alguém estuda o orgasmo costuma analisar apenas humanos e primatas. Não olhávamos para outras espécies para descobrir sua origem”, disse ao jornal The New York Times uma das autoras da pesquisa, Mihaela Pavlicev.

    Em algumas espécies mais simples, as fêmeas não têm um ciclo fixo de ovulação como o nosso – elas liberam óvulos depois de fazer sexo. Para ser mais precisa, depois de chegar a um orgasmo. A relação sexual chega ao ápice, lança um sinal para o cérebro, que manda liberar um óvulo no útero. Nesses animais, também, o clitóris fica dentro da vagina, o que garante o prazer durante a relação. Ou seja, em espécies mais simples, o orgasmo feminino é parecido com o dos homens e garante a fecundação.

    Mas em humanos e em outros primatas, a evolução fez duas alteracões importantes: primeiro, criou o ciclo fixo de ovulação nas fêmeas. Isso é consequência de um convívio social intenso. Ao contrário de outros mamíferos, que não convivem com os potenciais parceiros o tempo todo, nós primatas vivemos em grandes sociedades e podemos fazer sexo a qualquer instante, não só para a procriação. Por isso, a natureza desenvolveu o ciclo fixo. Para nós, são em média 28 dias, no qual um óvulo é liberado mais ou menos no meio do período. Isso faz com que não seja o sexo que determine a fertilização – mas o período do mês. Nessas espécies, também, o clitóris saiu de dentro da vagina, o que fez com que nem todas as relações sexuais chegasse ao orgasmo feminino.

    Ainda assim, o hábito de chegar ao êxtase não deixou de existir. Como ele tem um importante fator social – o prazer faz com que você se una ao seu parceiro e procure sempre mais sexo – a evolução não eliminou o orgasmo.

    Fonte: Super Interessante

  • Messi e Neymar loiros: 7 motivos para não cometer o mesmo erro

    Por: | Em: Testosterona Lifestyle | 25 de agosto de 2016

    Não é nada raro, vez ou outra a gente se depara com alguma estrela do futebol que resolveu mudar o cabelo. E isso pode ir dos cortes mais simples às ideias mais bizarras já vistas nas barbearias por aí.

    Desta vez, Messi apareceu loiro; dias depois, em seguida à conquista do ouro olímpico na Rio 2016, Neymar e outros jogadores da seleção também apareceram com cabelos e barbas mais claros; e o nadados baderneiro Ryan Lochte também mexeu no tom.

    Até aí, tudo bem. É legal variar. Mas se você está pensando em copiar os caras e investir nessa ideia de ficar loiro, a minha sugestão é que você pense MUITO antes de fazer isso. Parece um processo simples, mas isso pode dar muito mais trabalho do que você imagina.

    E acredite em mim, fui repórter de beleza por uns anos e não recomendava nem pras mulheres uma armadilha dessas. Mas se você quer muito arriscar (como eu mesma já fiz), aqui vão as dicas da Elen Diana, cabeleireira da barbearia Barba Nossa, no Rio de Janeiro, especialista em atender homens com essa intenção.

    loiros-messi-neymar

    1 – Pode demorar um pouco pra fazer

    Messi contou em entrevista que ficou horas para chegar no resultado em que está. Em entrevista, ele disse que se escondeu num quarto com o cabeleireiro, pra mulher dele não desconfiar, mas ela estranhou a demora. Ou seja, se você não está acostumado a ficar tanto tempo numa barbearia, pode se irritar.

    O que foi feito: “Eles descoloriram os fios e “platinaram”. Isso pode demorar entre 20 a 40 minutos, e vai depender da cor original dos seus fios. Para cabelos castanhos claros, por exemplo, o tempo é menor; já para cabelos de cor castanho escuro ou preto, o tempo é maior”, explica Elen.

    cambio d look😎 #blondeboy

    A photo posted by AntoRoccuzzo88 (@antoroccuzzo88) on

     

    2 – Você pode ser alérgico à química do produto

    Os homens estão cada vez mais modernos e todos podem aderir, porém com uma restrição:  o processo leva muita química que podem ser não compatíveis com a pele da pessoa (a substância guanidina, por exemplo). Então é necessário fazer o teste antes ou saber se você é alérgico a alguma delas.

    3 – Pode ser que não fique bom

    Tudo bem se você achar legal, mas convenhamos, não é uma coisa que fica boa em todo mundo. “Além disso, é necessário observar o meio em que você vive e trabalha, muitas empresas não aceitam um estilo como este”, lembra a profissional.

    continue lendo…

  • 9 festivais e shows de rock que vão agitar o Brasil até o final do ano

    Por: | Em: Música | 25 de agosto de 2016

    Mesmo com a alta do dólar e a crise no Brasil, o rock segue firme e forte como um dos gêneros musicais com os fãs mais fiéis, que lotam estádios e fazem de tudo pra ver a sua banda preferida. Separamos 9 festivais e shows de rock que vão rolar aqui no Brasil até o final do ano, e tem banda pra tudo quanto é gosto, de hard rock, punk rock, gothic rock, metal, e rock alternativo. Os Destaques são: Guns n’ Roses, Aerosmith, Black Sabbath, Offspring, Rammstein e Scorpions. Veja a lista completa:

    SCORPIONS

    scorpions
    São Paulo: 01/09 – 03/09 e 04/09 – Citibank Hall
    Fortaleza:  08/09 – Arena CFO
    Rio de Janeiro: 10/09 – Metropolitan
    Mais informações

     

    ROCK STATION (Offspring, Dead Kennedys, Anti Flag e Dona Cislene)

    rock-station
    São Paulo: 01/09 – Espaço das Américas
    Mais informações

    MAXIMUS FESTIVAL (Rammstein, Marilyn Manson, Disturbed, Bullet for my Valentine, Halestorm, Hellyeah, Shinedown e mais…)

    maximus_festival_2016
    São Paulo: 07/09 – Interlagos
    Mais informações

    continue lendo…

  • 6 receitas de MasterChefs com bebidas alcoólicas que a TV não mostrou

    Por: | Em: Testosterona Lifestyle | 24 de agosto de 2016

    A final da terceira temporada do Masterchef Brasil premiou nesta madrugada o empresário Leonardo Young, que era favorito dos internautas. Mas além dos pratos feitos para aprovação dos jurados, os competidores também estão por aí ousando e ensinando receitas, digamos, mais simples e “da galera” usando bebidas alcoólicas como ingredientes.

    O pessoal do Bebida Liberada está sempre com convidados do programa preparando aperitivos, comidas e bebidas que você pode fazer em casa para os amigos. E aqui vão seis receitas de MasterChefs feitas com bebidas alcoólicas que, claro, a TV não mostrou!

    Hot dog com molho de cerveja, com Raul Lemos

     

    Mojito brasileiro, com Raquel Novais

     

    continue lendo…

  • Entenda as diferenças entre relacionamento aberto, poliamor e poligamia

    Por: | Em: Sexo | 24 de agosto de 2016

    Já dizia o poeta: “Uma coisa é uma coisa, outra coisa é outra coisa”. E nenhuma é bagunça! Relacionamento aberto e poliamor são assuntos que estão em alta entre os jovens e é muito comum confundir os dois termos quando ainda é um assunto novo. Poligamia já é mais conhecido, um tanto polêmico também, mas que a maioria das pessoas não sabe bem como funciona dos dois lados.

    Pedimos ajuda para a psicóloga e sexóloga Priscila Junqueira na definição dos termos, para deixar tudo mais claro, sem rodeios.

    Se você ainda não está certo sobre os seus sentimentos ou está em um relacionamento sem entender muito bem o que está acontecendo, talvez essas novas “modalidades” de amor (se é que podemos dizer assim) sejam uma opção para clarear as coisas, tentar de outro jeito, até acertar.

    Agora, se você está inventando história para enrolar sua namorada e convencê-la a fazer coisas a seu favor, esqueça – o que você deve estar querendo chama-se ménage, e aí é ooooutra coisa.

    relacionamento-aberto-os-tres-filme

    Cena do filme “Os Três” (Brasil, 2011)

    Relacionamento aberto

    “As pessoas em questão estão namorando ou casadas e vão ter relações sexuais com outras pessoas, com o consentimento das parcerias. É para não existir amor pelo outro ou outra, apenas sexo“, enfatiza Priscila.

    Poliamor

    “Relacionamento afetivo e sexual, com o consentimento das parcerias. Existe uma igualdade de gênero, ou seja, homens e mulheres se relacionam com qualquer pessoa com qualquer orientação sexual. Desde 2012, temos no Brasil Uniões Estáveis realizados entre os Poliamoristas”, lembra a sexóloga.

    Poligamia

    “Casamento com mais de 1 pessoa. Temos a nomenclatura de Poliginia, que é um homem casado com várias mulheres, e a Poliandria que é uma mulher casada com vários homens. Temos uma restrição de gênero nesse contexto, ou seja, não podem casar com pessoas de diferentes orientações sexuais”, explica.