Home Flific Conheça Thardys, a geek que sabe como ser freak

Conheça Thardys, a geek que sabe como ser freak

No universo sci-fi de Doctor Who, a TARDIS é um veículo, em formato de cabine telefônica, que tem o poder de levar seus passageiros para qualquer lugar no tempo e espaço. Na Flific, além da grafia diferente, a nossa Thardys tem o poder de levar quem compra seus packs para outro mundo!

Thardys

Thardys

Aos 22 anos, a curitibana deu início a carreira como sexworker depois de perder seu emprego no começo da pandemia. 

Pensei: não tenho nada a perder, nem vou deixar de lado nenhuma prioridade. Por que não?”, contou.

A popularidade veio logo nas primeiras semanas! O visual alternativo e o cabelo verde a concederam uma marca registrada e foram um prato cheio para os twitteiros de plantão.  Logo, ela buscou marcar presença nas plataformas especializadas.

“É aquela coisa né: quem não é visto, não é lembrado. Meu propósito é estar em toda parte. Quando a pessoa abrir a geladeira eu vou estar na caixa de leite!”, brincou Thardys.

Thardys
Thardys

Nerd raíz

A escolha do usuário está longe de ser aleatória ou um simples chamariz para vendas. Pelo contrário, a ideia surgiu muito antes da vida como SW.

Assídua jogadora de LOL, Thardys se inspirou em uma de suas séries preferidas para criar o seu nickname no game. Com uma mudança aqui e ali, por conta dos usuários já existentes, surgiu a persona que hoje faz sucesso na Flific e em todas as plataformas que atua.

Com forte inspiração nos clássicos perfis de Suicide Girls, ela encontrou um nicho, pausou os estudos na área da saúde e se jogou de corpo e alma na venda de packs. Tanto, que chegou a criar um esboço de como seria a plataforma ideal.

“Eu comecei a desenvolver, de forma bastante autodidata. Queria um ambiente que fosse fácil para quem produz e quem compra. Aliás, a Flific se assemelha demais ao que eu imaginei. É uma das plataformas mais divertidas que eu utilizo”, contou.

Vida a dois

Comprometida (sorry, pessoal), a SW também disponibiliza conteúdo de casal. Mas, apesar do sucesso da modalidade, não é tão fácil quanto parece.

Acordo prévio com o namorado

“As pessoas não entendem que sex worker é uma profissão. Na cabeça delas, por ser SW, eu sou solteira. Se eu sou casada, meu relacionamento é aberto ou o meu marido é corno. É difícil”, desabafou.

Thardys

Organizada, metódica e estrategista, Thardys tem um conselho bastante coerente para quem deseja uma carreira como sex worker: 

“Faça um novo e-mail e compre um 2º número de telefone. Assim você conseguirá fazer uma nova conta nas redes e o algoritmo não te recomendará pra sua família!”, disse.

Sensata!

Quer conferir o conteúdo da Thardys na Flific? Acesse e descubra o que a plataforma tem a oferecer.

Acesse mais fotos e conteúdos exclusivos da Thardys

FLIFIC

Veja Também: Andressa Gatiman | Hot Banshee

COMENTE JÁ


Mais posts pra você