Home Site Porno Blacked – O maior e melhor site pornô interracial

Blacked – O maior e melhor site pornô interracial

AAAAAA meu amor, me segura porque hoje eu tô bem quenga! Ó, sinta no ar aquele cheiro sensual de chocolate molhado na boca das menina! Pura moça branca de bem. Bem sentada no pau preto do capeta! Porque se chocolate já é bom, homem de chocolate é melhor ainda. It is Blacked, okay!! 

VEJA TAMBÉM:

Blacked

A palavra “interracial”

A regra é clara, mas a tentação é Blacked. Relações “interraciais” até hoje geram olhares tortos dentro de uma sociedade classicista e racista. Mas eu quero é que a sociedade se fuêda!! Porque a palavra oficial (e que eu odeio!) pode ser “interracial” (entre raças), mas a raça é uma só, a humana. Doa a quem doer. É papinho clichê??? ÉÉEÉ! Mas foda-se de novo. Diferentes melaninas, tanto na vida como na foda, dão um tesão dU caralho. Pra começar, um chocolate bem longo e duas bolas, por favor! E que o deus caucasiano chore de emoção. 

Blacked

Blacked, né minha filha!!?

Esse premiadérrimo site porno maravilhoso nasceu em maio de 2014 e tem escritório em Los Angeles, Califórnia. Apesar de americano, foi idealizado pelo francês Greg Lansky, visando à pornografia étnica ou “interracial” como é mais conhecida. Ou seja, o site tem como base o tabu de deliciosas aventuras entre mulheres brancas e (mmmmm!!!) homens negros. 

Blacked

O fundador

Blacked é um dos maiores canais porno do mundo! Foi o primeiro site que o parisiense Greg Lansky lançou. Depois de enorme sucesso com a marca, resolveu se aposentar em janeiro de 2020 pra cuidar de novos empreendimentos relativos à cannabis, legalizada em alguns estados americanos. Já falei sobre ele nas matérias da Vixen e Tushy que, junto com a Blacked, pertencem a Vixen Group onde esse moço era CEO. 

Tabus

Now, now! Blacked não é a objetificação e hipersexualização do homem negro. É um desafio social, estilhaçamento de tabus, um desaforo bem na fuça dos tio e das tia racista através da realidade. As histórias rodam por esses temas. Maravilindos homens negros virando o cabeção das típicas mulheres brancas da sociedade americana. Mamães, filhas e agregadas, todas apaixonadas por esse AFROntamento social. Que polêmica mais delícia! 

Blacked

BBC!

E nem é do canal de tv lá da gringa que tô falando, rapaiz! BBC é uma sigla americana pra BIG BLACK COCK. Abrasileirando o termo, é algo como “grande pau preto”. E mandando a real, é onde as branquelas adoram rebolar com gosto. Ou, melhor, com muuuito bom gosto. 

Os grandes membros da Blacked

A safadeza já vem na mente nesse título, né?? Mas, mulher, não é pra menos! Olha a listinha desses homens mais gostosos do mundo que protagonizam cada cenão que só vendo: Joss Lescaf (é charmoso!), Jax Slayher (é gostoso!), Rob Piper (é tudo!), Jason Brown (sásenhora!), Pressure (pedaço de pecado!), Isiah Maxwell (mamãe, eu quero!) e Flash Brown (perfeito, perfeito!). Fora os gostosos que também gravam pela Blacked Raw. Tipo, Louie Smalls (gigantão delícia!), Freddy Gong (paradisíaco!) e Jason Luv (famosérrimo e gostosérrimo!).

Blacked

Blacked Raw

É um site suporte, uma ramificação do site principal e com a mesma temática. A marca foi criada em 2017 pra abraçar culturas urbanas, sexo em situações mais realistas e mulheres de aparência mais natural, sem photoshop. A naturalidade dos corpos, a inovação de roteiros e a alta qualidade da produção são primordiais pra empresa. 

Blacked

Mulheres em contraste

Ah, mas isso não se limita apenas a um BBC! Existem lindas cenas entre mulheres negras e mulheres brancas no canal da Blacked. Porque mulher que também beija mulher merece apreciar essa estética luxuosa de um site bem feito e encantador. Nesse ménage, por exemplo, a deslumbrante Kira Noir mostra o quanto é foda com bct’s, atentando a nerd Ava Parker. 

Blacked

O teaser mais foda do pornô

A Blacked lançou uma tendência provavelmente já notada em quem curte pornô. A música de abertura dos vídeos da empresa foram os primeiros a apresentar uma crescente percussão que dispara a adrenalina do(a) espectador(a) até o último gemido do teaser. E esse imediato sucesso foi copiado por geral. Hoje a maior parte dos sites (brancos) faz algo igualzinho. Se liga na abertura desse vídeo entre Joss Lescaf e Kendra Sunderland. Porque aqui é original. 

Gang bang e orgia

Um dos vídeos mais vistos da Blacked no PornHub foi um gang bang épico com Lena Paul. Também há um ménage pugilista fantástico com Tori Black. Aliás, as diversas orgias desse site são de foder a psiquê de qualquer ser, menina. Acredite!

Blacked

Entre os mais do PornHub

Blacked é o auge da luxúria! São quase 2 milhões de inscritos e quase 2 bilhões de visualizações num material inteiramente original e exclusivo, onde muitas atrizes gravam pela primeira vez com uma grandiosa piroca de chocolate. E já vou avisando, gata: não existe ex-chocólatra. 

Galeria de prêmios

Uma caralhada de indicações desde seu lançamento! As produções Blacked receberam vários XBIZ e diveeersos AVN. Fora prêmios UrbanX, NightMoves, XBIZ Europe Awards e afins. É uma infinidade de estatuetas pelo excelente desempenho artístico, de produção e publicidade. E dale champanhe pro alto e cordões de ouro no peito. Porque tudo isso é puro mérito E FOGO NOS RACISTAS! 

Links e Redes Sociais

COMENTE JÁ

Mais posts pra você