• Testosterona Indica – Madden NFL 16 e mais

    Por: Testosterona | Em: Testosterona Indica | 22 de agosto de 2015

    A fairytale castle which forms part of Dismaland - Bemusement Park, Banksy's biggest show to date, in Western-super-Mare, Somerset.
    – Banksy inaugura parque sinistro para “anarquistas principiantes” na Inglaterra
    Indicação do Rafael Justplay

    Neste sábado (22), será inaugurado o maior projeto já criado pelo misterioso artista Banksy: o parque temático Dismaland. A instalação está localizada na região de Weston-super-Mare, Somerset, Inglaterra. “É um show de arte para os 99% que prefeririam estar no Alton Towers“, disse Banksy, referindo-se ao famoso – e familiar – parque temático do Reino Unido. O clima sombrio e sem vida do Dismaland satiriza a Disneylândia, além de ter o mesmo espírito anárquico característico das obras de Banksy. Veja mais imagens do ambiente neste link.

    capitao-america2
    – Marvel exibe trailer de “Capitão América 3: A guerra civil” durante a D23 Expo, da Disney

    Apesar de não ter nenhum painel na Comi-Con em julho, a Marvel decidiu usar agora o espaço da conferência D23 Expo, da Disney, para trazer novidades aos fãs dos seus super-heróis. No último sábado o presidente do estúdio, Kevin Feige, mostrou novas imagens de “Capitão América 3: A guerra civil” e exibiu o trailer do filme, que estreia dia 28 de abril do ano que vem no Brasil. O vídeo, no entanto, ainda não foi lançado oficialmente, não estando por isso disponível ao público. No mesmo evento, também foi apresentado o conceito de arte de “Doutor Estranho”.
    No trailer, um dos destaques é a ação dos Vingadores. Em uma das cenas Chris Evans, que interpreta Steve Rogers, o Capitão América, Anthony Mackie (Falcão) e Scarlett Johansson (Viúva Negra) aparecem lutando em uma praça lotada contra o vilão Ossos Cruzados. O vídeo ainda conta com briga entre os heróis em cena de batalha encabeçada pelo Capitão América e o Homem de Ferro, papel de Robert Downey Jr.

    – O sensacional comercial do Madden NFL 16
    Indicação do Jean Vieira

    O jogo será lançado nesta terça-feira, dia 25, e a produtora resolveu promover a nova edição da franquia com uma super produção com a participação dos atores Dave Franco e Christopher Mintz-Plasse e as participações pra lá de inusitadas de Rob Gronkwoski, Julio Jones, Antonio Brown, Rex Ryan e Colin Kaepernick, numa emotiva interpretação de “Al Pacino em Perfume de Mulher”.

     

    Links da Semana

    Imagens: 81 fotos da Megan Fox para você apreciar

    Lista: 15 pornstars muito gostosas no Instagram

    Tecnologia: Como conseguir softwares de graça

    Notícia: São Paulo é a cidade que mais trai no mundo, segundo os hackers do Ashley Madison

    Filme: “Os 8 Odiados”, de Quentin Tarantino, ganha cartazes individuais com os protagonistas

    Sexo: Porno Mineiro

     

  • Inventaram um robô que leva cerveja gelada até você

    Por: Edu | Em: Cerveja | 22 de agosto de 2015

    robô-cerveja

    Tá difícil arrumar uma mulher pra ir buscar cerveja na geladeira e levar até o sofá? Tudo bem, não tá fácil pra ninguém mesmo. Tanto que uns estudantes do Laboratório de Ciência da Computação e Inteligência Artificial do MIT criaram um robô que leva cerveja até você!

    A invenção ganhou o nome de Beerbots e talvez seja a maior invenção pensada para preguiçosos desde o controle remoto. A ideia dos estudantes foi criar robôs que cooperam entre si e formam um sistema de entrega de cerveja segundo as necessidades do usuário.

    Para isso, foram desenhados dois tipos de robôs: os chamados “turtlebots“, responsáveis por receber os pedidos de cerveja, buscar a bebida com o robô “bartender” e levá-la ao solicitante. Já o robô “bartender” tem a habilidade de resfriar as bebidas e posicioná-las nos turtlebots para que sejam entregues.

    O sistema foi apresentado durante a Conferência Robotics Science and Systems em julho deste ano e os estudantes envolvidos no projeto esperam utilizar o mesmo algorítimo para testar robôs em situações de resgate. Enquanto não são usados para um fim mais nobre, os robôs fazem um trampo de garçom, como você confere no vídeo abaixo:

    Já queremos um desse aqui na redação!

  • Os 10 melhores peitos de mulheres famosas

    Por: Fran Vergari | Em: Vídeos | 21 de agosto de 2015

    O Ranquer.com recebeu mais de 132 mil votos para montar este vídeo com os 10 melhores peitos das celebridades. Dá uma conferida e conta pra gente se você concorda com as primeiras colocadas!

  • Conheça o estúdio de tatuagem comandado só por mulheres em São Paulo

    Por: Fran Vergari | Em: Testosterona Indica | 21 de agosto de 2015
    sampa-tattoo

    Samantha Sam e as tatuadoras do Sampa Tattoo. Foto: Felipe Larozza/VICE

    Estes dias vi no Twitter da Vice gringa uma reportagem falando sobre um estúdio em São Paulo que só tinha tatuadoras, com entrevistas de todas elas. Depois procurei o link no perfil brazuca e achei interessante compartilhar aqui com vocês a iniciativa muito legal da tatuadora Samantha Sam.

    O estúdio fica na famosa Rua Augusta, em São Paulo, e tem cinco mulheres, que se reúnem sob o mesmo teto instigadas por um só ofício: tatuar. Ao Vice, Samantha Sam (quem comanda o Sampa Tattoo) contou que “são meninas que estão começando agora”.

    A ideia surgiu quando Samantha decidiu sair do último lugar em que trabalhava. Um dos donos perguntou se ela não topava abrir um novo estúdio com ele. Depois de escolher o local, a tatuadora precisava fechar quem seriam seus funcionários. Uma amiga propôs: por que não só tatuadoras? E a sugestão foi acatada.

    São dois andares: embaixo, uma sala com um lustre preto e papel de parede abriga uma grande mesa cheia de sketchbooks, pincéis, folhas, canetinhas e desenhos, muitos desenhos; em cima, a “carnificina”, com macas, agulhas e todo o aparato para marcar corpos para sempre.

    Em três semanas de funcionamento, o estúdio tem feito de três a quatro tatuagens por dia. Samantha contou que a ideia é crescer e dar oportunidade pra mulherada “porque tem muita menina começando”.

    estudio-de-tatuagem

    Foto: Felipe Larozza/VICE

    Samantha Sam, 23 anos

    “Saí de Cerquilho, onde nasci, e fui morar em Sorocaba pra aprender a tatuar. Fiquei lá seis meses como aprendiz. Fazia de tudo no estúdio. Desenhava, limpava, arrumava a bancada. Eu tinha tudo pra desistir. Sozinha, morando numa cidade em que eu não conhecia ninguém. Mas sou muito teimosa e amo o que faço.

    Já aconteceu de tatuador que trabalhava comigo me ver desenhando e jogar meu desenho no lixo. De boicotar, falar que eu não estava, que eu saí. Os tatuadores têm um pouco de sentimento de ‘Nossa, como uma menina nova tá fazendo o mesmo que eu?’. Parece que a gente tá mesmo invadindo o espaço deles.”

    Eles conversaram com todas as tatuadoras, que relataram as dificuldades da profissão, a reprovação de alguns tatuadores e o amor pela arte. Leia todas as entrevistas aqui neste link.

  • A menina que mandava nudes – o depoimento sincero de uma leitora

    Por: Edu | Em: Leitoras | 20 de agosto de 2015

    nudes-testosterona
    O primeiro nude que eu enviei faz uns 2 anos acho, e foi para uma página de fotos femininas no Facebook, mas o que me incitou a fazer isso?

    Eu nunca fui um padrão de beleza. Aos 27 anos de idade, tenho 45 kilos e apenas 1,52 cm de altura. Não tenho seios fartos nem bundão. Na minha adolescência nunca fui a garota popular entre os meninos. Eu demorei muito tempo para aceitar o meu corpo, para entender que existem vários tipos de beleza e, principalmente, que eu não deveria me pautar por revistas de moda, tampouco pelo tipo de corpo das meninas que faziam parte do meu círculo de amizades.

    Eu precisava, simplesmente, ser eu mesma. E isso não era um problema, era a solução. A liberdade que me faltava.

    Um belo dia, navegando pela internet, descobri um site chamado “Testosterona” e achei engraçado a forma que eles tratavam certos assuntos (apesar de todo o machismo envolto em textos sobre futebol, mulheres nuas e etc), passei a segui-los. Estava rolando o #LingerieDay, onde as seguidoras da página enviavam fotos sensuais de lingerie [ou sem]. Achei fantástico aquelas fotos, amadoras. Onde garotas normais mostravam aquilo que elas tinham de melhor (na opinião delas, obviamente). Ne todas eram, assim, extremamente gostosas, mas elas gostavam do corpo que tinham, porque convenhamos, pra você enviar um nude é necessário estar muito bem com o seu corpo e não, como pensam, com baixa estima.

    A moça precisa se amar antes de tudo, senão isso nunca acontecerá.

    E isso é bem difícil se você se comparar com os modelos de beleza impostos pela sociedade. Eu mesma nunca fui um padrão.

    Quis enviar uma foto para o site e fui barrada pelo meu então namorado na época. Fiquei bem chateada e, depois de um tempo, consegui fazer a tão desejada foto e enviar para um outro site, porque ele alegou que o site do Testosterona era bem conhecido e ele não queria me expor.

    Eis o meu primeiro nude:

    image

    Essa foto foi feita pelo meu namorado, de uma forma que não mostrasse minha tatuagem, porque eu tinha medo de ser reconhecida, tinha medo da reação das pessoas conhecidas. Tinha medo de ser reprimida.

    Depois de um tempo eu fiz mais algumas fotos, mas eu enviava para o meu namorado pelo e-mail. Sinceramente, não sei se ele gostava de recebê-las, porque não havia entusiasmo da parte dele. Enfim.

    Nos separamos e daí em diante eu passei a fazer mais fotos, publicava em um site que chamava “Porninstagram”, era um Instagram para fotos de nudez, sempre escondendo minha identidade, mas eu acabei abandonando a rede.

    testosterona-nudes
    Aí eu comecei a postar algumas no Tumblr, que é uma rede social que “aceita” esse tipo de material. E alguns amigos passaram a seguir meus posts e elogiar, inclusive. Até que eu cheguei ao Instagram e ali postava algumas menos ousadas, sem mostrar calcinha ou bundas. Por fim eu comecei a postar algumas no Twitter e no Snapchat.

    Eu sinceramente não acho que são vulgares, tenho um padrão de foto, gosto de imaginar a luz e a sombra que irão compor o cenário, escolho a lingerie e o local onde irei fazê-las. E por incrível que pareça, elas só servem para que eu me sinta bem comigo mesma. Acho bacana o feedback das pessoas que apreciam, e eu mesma as aprecio. Tudo bem que existem os punheteiros de plantão, mas convenhamos, homem não precisa de nudes para bater uma punheta pra você.

    Joice Freire

    Beijos!